PUBLICIDADE

Miopia infantil: impactos da pandemia e como prevenir

Maior uso de telas e falta de luz natural podem ser as principais causas do aumento de casos de miopia em crianças durante a pandemia

Com o isolamento social muitos deveres passaram para o modelo remoto, como aulas e reuniões, exigindo que as pessoas passem mais tempo recebendo estímulos das luzes das telas, tanto durante o trabalho quanto nos momentos de lazer.

Ainda que estudos apontem que as taxas de miopia venham aumentando em todo o mundo há décadas, de acordo com as últimas pesquisas há um possível efeito cascata da pandemia de Covid-19: um aumento nos problemas de visão em crianças.

Conversamos com especialistas a fim de entender os impactos da pandemia na visão das crianças e como diminuir os riscos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Efeitos do isolamento e os riscos de miopia

Segundo Rachel Gomes, médica oftalmologista com especialidade em cirurgia refrativa, a pandemia promoveu uma mudança profunda no estilo de vida. Com isso, houve uma redução considerável do tempo ao ar livre e das atividades que permitem o "relaxamento" da visão. "Consequentemente, observamos aumento das queixas de cansaço visual, dor de cabeça e aumento da incidência de miopia em crianças".

Para além da miopia, o uso prolongado de dispositivos eletrônicos, assim como o uso excessivo da visão para perto, estimula o estrabismo, olhos secos e cansaço visual, também conhecido como astenopia.

"Ficamos mais em casa, em ambientes fechados, onde são realizadas atividades que usam muito mais a visão para perto, como telas de celular, tablet e computador, além de mais tempo para a leitura", elucida Patrícia Diniz, oftalmopediatra da clínica HCLOE.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Ainda que seja uma alteração ocular corrigível com óculos ou lentes de contato, oftalmologistas alertam que quanto mais jovem uma criança se torna míope, mais riscos ela tem de desenvolver problemas oculares ainda mais graves quando mais velhas.

No entanto, apesar dos estudos, a oftalmopediatra esclarece que os trabalhos científicos ainda não chegaram a um consenso das alterações oculares pela exposição às luzes dos dispositivos eletrônicos. "O que já é bem descrito na literatura científica é que essas luzes alteram a produção de melatonina, hormônio que controla o ciclo vigília-sono. Assim, esses pacientes podem ter dificuldades para dormir."

Como identificar miopia nas crianças?

Como o olho da criança está em crescimento, há uma tendência comum da miopia aumentar na infância. A miopia tem causas genéticas e ambientais, podendo aumentar pelo tempo prolongado de uso da visão de perto. Em contrapartida, a exposição à luz natural reduz a progressão da miopia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

No entanto, de acordo com Rachel Gomes, nem sempre a criança se queixa diretamente da miopia, por isso é muito importante que os pais e cuidadores fiquem atentos aos sinais e pequenos detalhes como:

"Crianças que franzem a testa e fecham os olhos parcialmente para enxergar de longe ou que têm o hábito de ficar muito próximas para conseguir enxergar devem ser avaliadas por um oftalmologista", recomenda Rachel.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Como prevenir miopia nas crianças?

O simples fato de passar mais tempo ao ar livre pode atrasar o início da miopia. Isso porque a luz solar direta desempenha um papel importante na saúde dos olhos, bem como na focagem de longo alcance.

Para evitar problemas oculares futuros e controlar a miopia é importante que os pais e cuidadores promovam mudanças no estilo de vida e na rotina das crianças. Já as recomendações para reduzir os prejuízos visuais de dispositivos eletrônicos são:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Apesar da importância de identificar os sinais, os especialistas alertam que cada caso deve ser avaliado individualmente e acompanhado até a vida adulta.

Como tratar a miopia?

Existem opções para a correção da visão, para desacelerar a progressão da miopia e para reduzir o risco de desenvolver complicações que ameacem a visão ao longo da vida adulta.

Essas opções envolvem óculos projetados especificamente para retardar a progressão da miopia e a ortoceratologia, que usa lentes de contato que mudam a córnea (lente transparente da frente do olho). Outro tratamento preventivo é o uso do colírio de atropina e a ortoceratologia, com orientação médica.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Embora exista a cirurgia refrativa, raramente ela é indicada para crianças, visto que nessa fase a visão ainda está em desenvolvimento. Normalmente a cirurgia é recomendada para pacientes maiores de 21 anos.

Saiba mais

Quatro sinais que indicam que seu filho precisa de óculos

Identifique doenças oculares em cada fase da infância

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Estrabismo some se for tratado na infância