PUBLICIDADE

Antes de perder a visão, menina é levada para aventura com a mãe

Garota, que sofre de uma condição rara, deve perder a visão progressivamente em até cinco anos

menina-visao / Foto: Catrina Frost
menina-visao / Foto: Catrina Frost

Pelos filhos, o amor de mãe pode ir além. Foi o que aconteceu com Catrina Frost, mãe da pequena Cailee, diagnosticada com uma doença genética rara aos 18 meses. Por causa da vitreorretinopatia exsudativa familiar, a pequena perderia a visão de forma progressiva.

De acordo com os médicos, Cailee deve perder totalmente sua visão dentro de cinco anos. E foi a partir desse diagnóstico que Catrina decidiu levar a filha para um parque, para que elas se divertissem um pouco. Cailee brincou muito e sua mãe percebeu que este era o momento em que ela estava aprendendo a sentir texturas e a criar suas próprias experiências.

Com isso, veio a grande ideia: fazer uma lista de lugares que a garota precisava ir conhecer, sentir e viver. Assim, as primeiras paradas foram o SeaWorld e a praia. "Ela nunca tinha visto a praia antes. Estava em êxtase total. ", disse Frost.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Em 9 de julho, Catrina lançou uma campanha virtual para ajudar a financiar as experiências da filha e, quase que instantaneamente, um membro da Disneyland entrou em contato perguntando se poderia ajudar com uma viagem para lá, além de criar um encontro com cada princesa.

A lista ainda conta com experiências como ver a neve, acampar e andar a cavalo. Catrina está cada vez mais envolvida com as experiências e relata que Cailee está crescendo cada vez mais interessada com a causa.