PUBLICIDADE

Antidin (comprimido revestido)

Princípios ativos: cloridrato de ranitidina

ESTE TEXTO FOI EXTRAÍDO MANUALMENTE. CONSULTE SEMPRE A BULA ORIGINAL

Apresentação

Apresentação de Antidin

Uso Oral
Uso Adulto

Laboratório: Teuto

Comprimido Revestido 150mg

Embalagens contendo 10 e 20 comprimidos.

Composição

Composição de Antidin

Cada comprimido revestido contém:

cloridrato de ranitidina (equivalente a 150mg de ranitidina).....168mg

Excipiente q.s.p................1 comprimido

Excipientes: álcool etílico, dióxido de titânio, estearato de magnésio, croscarmelose sódica, povidona, celulose microcristalina, hipromelose/macrogol e dióxido de silício.

1. Para que este medicamento é indicado?

Para que serve Antidin

Antidin é indicado para tratar úlcera no estômago, ou no duodeno, em alguns casos seu médico pode prescrever Antidin® com antibióticos; alguns medicamentos para artrite, podem causar úlcera como efeito colateral, se você estiver fazendo um tratamento deste tipo, seu médico pode ter lhe receitado Antidin® para prevenir estas úlceras; úlceras podem sangrar, seu médico pode ter receitado Antidin® para prevenir isto; tratar problemas causados pelo refluxo de ácido do estômago para o esôfago (esofagite), e outros problemas como este, que podem causar dor ou desconforto, algumas vezes conhecido como indigestão, dispepsia ou azia; tratar problemas causados pela produção de ácido em excesso no estômago.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

2. Como este medicamento funciona?

Ação esperada de Antidin

Antidin contém ranitidina, que reduz a quantidade de ácido produzida no seu estômago. Isto favorece, a cicatrização da gastrite ou das úlceras pépticas do estômago e do duodeno, prevenindo também suas complicações.

Após alguns dias, você já deverá se sentir bem melhor. Mas não pare de usar o medicamento até o fim do tratamento determinado pelo seu médico, ou a dor e o desconforto podem voltar.

3. Quando não devo usar este medicamento?

Contraindicações e riscos de Antidin

ANTIDIN É CONTRAINDICADO A PESSOAS ALÉRGICAS A RANITIDINA OU AOS OUTROS COMPONENTES DA FÓRMULA DO MEDICAMENTO; SE ESTIVER GRÁVIDA, PRETENDENDO FICAR GRÁVIDA OU ESTIVER AMAMENTANDO; SE TIVER DOENÇA OU PROBLEMA NOS RINS E EM PACIENTES COM UMA RARA DOENÇA CHAMADA PORFIRIA.

4. O que devo saber antes de usar este medicamento?

Precauções e advertências de Antidin

O TRATAMENTO COM UM ANTAGONISTA H2 DA HISTAMINA PODE MASCARAR SINTOMAS RELACIONADOS A CARCINOMA GÁSTRICO E, DESTE MODO, RETARDAR O DIAGNÓSTICO DA AFECÇÃO. POR SER A RANITIDINA EXCRETADA POR VIA RENAL, É DE SE ADMITIR QUE OS NÍVEIS PLASMÁTICOS AUMENTEM OU SE PROLONGUEM DIANTE DE INSUFICIÊNCIA RENAL GRAVE. EM VIGÊNCIA DE INSUFICIÊNCIA RENAL, RECOMENDA-SE AJUSTE POSOLÓGICO DE ACORDO COM O CLEARANCE.

O USO DE DOSES MAIORES QUE AS RECOMENDADAS DE ANTAGONISTAS H2TEM SIDO ASSOCIADO A ELEVAÇÃO DAS ENZIMAS HEPÁTICAS, QUANDO O TRATAMENTO SE ESTENDE POR 5 DIAS OU MAIS. AS TAXAS RECOMENDADAS PARA ADMINISTRAÇÃO NÃO DEVEM SER EXCEDIDAS.

O USO DE RANITIDINA DEVE SER EVITADO EM PACIENTES COM HISTÓRIA DE PORFIRIA AGUDA, VISTO QUE HÁ RAROS RELATOS DE CRISES DE PORFIRIA AGUDA PRECIPITADOS PELO USO DARANITIDINA.

Este medicamento é contraindicado na faixa etária pediátrica.

NÃO USE MEDICAMENTO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO. PODE SER PERIGOSO PARA A SUA SAÚDE.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Interações medicamentosas de Antidin

Se você estiver fazendo uso de medicamentos antiinflamatórios não esteroidais, juntamente com Antidin , seu médico deverá supervisioná-lo regularmente. Especialmente os idosos, e aqueles com histórico de úlcera péptica. Se você não tem certeza a respeito dos medicamentos que esteja usando, consulte seu médico ou farmacêutico.

Antidin pode interagir com cetoconazol, consulte seu médico.

Avise seu médico que você está fazendo uso de Antidin® caso vá fazer um exame de sangue, de urina, ou outros exames. Antidin pode alterar o resultado destes exames.

Uso de Antidin na gravidez e amamentação

A ranitidina atravessa a barreira placentária e é secretada no leite materno. Como qualquer droga, o produto só deveser usado durante a gravidez e amamentação caso seja essencialmente necessário.

Não deve ser utilizado durante a gravidez e a amamentação, exceto sob orientação médica.

Informe a seu médico ou cirurgião-dentista se ocorrer gravidez ou iniciar amamentação durante o uso deste medicamento.

Informe ao médico ou cirurgião-dentista o aparecimento de reações indesejáveis.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

5. Onde, como e por quanto tempo posso guardar este medicamento?

Armazenamento, data de fabricação, prazo de validade e aspecto físico de Antidin

Aspecto físico: Comprimido revestido circular de cor branca a creme.

Características Organolépticas: Os comprimidos de Antidin® não apresentam características organolépticas marcantes que permitam sua diferenciação em relação a outros comprimidos.

Prazo de validade: 24 meses a partir da data de fabricação (VIDE CARTUCHO).

Não use o medicamento com prazo de validade vencido. Antes de usar observe o aspecto do medicamento.

Cuidados de conservação e uso: DURANTE O CONSUMO ESTE PRODUTO DEVE SER MANTIDO NO CARTUCHO DE CARTOLINA, CONSERVADO EM TEMPERATURA AMBIENTE (15 A 30ºC). PROTEGER DA LUZ E UMIDADE.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

6. Como devo usar este medicamento?

Posologia, dosagem e instruções de uso de Antidin

Modo de uso: Este medicamento deve ser administrado por via oral.

Posologia: A dose usual padrão para tratamento agudo da úlcera gástrica, úlcera duodenal ou esofagite de refluxo é de 150mg duas vezes ao dia ou 300mg à noite. 

Em muitos casos de úlcera duodenal, úlcera gástrica benigna e úlcera pós-operatória, a cicatrização ocorre dentro de 4 semanas. Naqueles pacientes em que a cicatrização não ocorre nas 4 primeiras semanas, a úlcera geralmente cicatrizará após mais 4 semanas de terapia. No caso de úlceras que se desenvolvem durante a terapia com anti-inflamatórios não esteroides ou associadas ao uso continuado destas drogas, podem ser necessárias 8-12 semanas de tratamento. Para a prevenção de úlceras duodenais associadas a drogas anti-inflamatórias não esteroides, 150mg de ranitidina duas vezes ao dia podem ser administrados concomitantemente com estas drogas. Na úlcera duodenal, 300mg duas vezes ao dia, durante 4 semanas, resulta em taxas decicatrização maiores do que aquelas com ranitidina 150mg duas vezes ao dia (ou 300mg à noite durante 4 semanas). O aumento da dose não tem sido associado ao aumento da incidência de efeitos colaterais. Em pacientes fumantes que não conseguem evitar fumar durante o tratamento, uma dose de 300mg à noite provê um benefício terapêutico adicional sobre o regime de dose de 150mg. No tratamento a longo prazo, a dose geralmente utilizada é de 150mg à noite.

Úlcera pós-operatória: 150mg, duas vezes ao dia.

No controle da esofagite de refluxo severa, a dose recomendada é de 150mg, quatro vezes ao dia, durante 8 semanas, podendo estender-se até 12 semanas. Para tratamento a longo prazo da esofagite de refluxo, recomenda-se 150mg duas vezes ao dia. 

Síndrome de Zollinger-Ellison: 150mg três vezes ao dia, inicialmente. Esta dose pode ser aumentada, se necessário. Doses de até 6g por dia têm sido bem toleradas. Para pacientes com dispepsia episódica crônica, a dose recomendada é de 150mg, duas vezes ao dia, durante 6 semanas. 

Qualquer paciente que não responda ou que tenha recidiva logo após o tratamento, deve ser investigado. 

Na profilaxia da hemorragia decorrente da úlcera de estresse: Em pacientes gravemente enfermos ou na profilaxia de hemorragia recorrente em pacientes com sangramento decorrente de ulceração péptica, a dose de 150mg por via oral duas vezes ao dia pode substituir a forma injetável logo que o paciente possa ingerir.

Profilaxia da Síndrome de Mendelson (pneumonite por broncoaspiração): 150mg duas horas antes da anestesia e, preferivelmente, 150mg na noite anterior.

Em pacientes em trabalho de parto, 150mg a cada 6 horas. Porém, se for necessário o uso de anestesia geral, recomenda-se que adicionalmente seja administrado um antiácido (ex.: citrato de sódio).

Na úlcera duodenal associada a infecção por H. pylori: 300mg ao deitar (ou 150mg duas vezes ao dia), podem ser administradas com 750mg de amoxicilina oral, três vezes ao dia, e 500mg de metronidazol, três vezes ao dia, por duas semanas. A terapia ®deve ser continuada por mais duas semanas apenas com Antidin . Esse regime de doses reduz significativamente a recidiva de úlcera duodenal.

Insuficiência renal: Poderá ocorrer acúmulo de ranitidina, como resultado de elevadas concentrações plasmáticas, em pacientes com insuficiência renal grave (clearance de creatinina abaixo de 50mL/minuto). É recomendado que a dose diária de ranitidina nestes pacientes seja reduzida para 150mg à noite durante quatro a oito semanas.

Pacientes sob diálise peritoneal crônica ambulatorial ou hemodiálise crônica devem ingerir uma dose de 150mg de ranitidina, imediatamente após a diálise.

Conduta necessária caso haja esquecimento de administração: Caso uma dose seja esquecida, tome-a o quanto antes, e prossiga com o horário normal das demais doses.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.

Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

Este medicamento não pode ser partido ou mastigado.

7. O que devo fazer quando esquecer de usar este medicamento?

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

8. Quais os males que este medicamento pode me causar?

Reações adversas de Antidin

A MAIORIA DOS PACIENTES QUE USA ESTE MEDICAMENTO, NÃO ENCONTRA PROBLEMAS. MAS COMO OCORRE COM TODO MEDICAMENTO, ALGUMAS PESSOAS PODEM APRESENTAR EFEITOS COLATERAIS. SE VOCÊ APRESENTAR ALGUM DOS SINTOMAS ABAIXO LOGO ®APÓS TER FEITO USO DE ANTIDIN , PARE O TRATAMENTO E PROCURE SEU MÉDICO IMEDIATAMENTE: RESPIRAÇÃO OFEGANTE, DOR E APERTO NO PEITO REPENTINOS; INCHAÇO DAS PÁLPEBRAS, FACE, LÁBIOS, BOCA OU LÍNGUA; ERUPÇÕES CUTÂNEAS OU FISSURAS NA PELE, EM QUALQUER LUGAR DO CORPO; FEBRE; SENSAÇÃO DE FRAQUEZA, ESPECIALMENTE AO FICAR EM PÉ.

COMUNIQUE SEU MÉDICO O QUANTO ANTES, CASO SINTA QUALQUER DOS SINTOMAS: NÁUSEA E PERDA DO APETITE (PIOR DO QUE O NORMAL), OU ICTERÍCIA (PELE E OLHOS AMARELADOS) ISTO PODE SER DEVIDO A HEPATITE (INFLAMAÇÃO DO FÍGADO); REDUÇÃO DOS BATIMENTOS CARDÍACOS, OU BATIMENTO IRREGULAR, VERTIGEM, CANSAÇO OU FRAQUEZA; VISÃO TURVA;

REAÇÃO NA PELE, OCASIONALMENTE SEVERA (PLACAS VERMELHAS OU ERUPÇÕES); QUEDA DE CABELO; IMPOTÊNCIA; DOR SEVERA NO ESTÔMAGO, OU MUDANÇA NO TIPO DE DOR QUE COSTUMA SENTIR; DIARREIA; FALTA DE AR E FADIGA; INFECÇÕES RECORRENTES; HEMATOMAS.

AVISE SEU MÉDICO NA PRÓXIMA CONSULTA CASO EXPERIMENTE ALGUM DOS EFEITOS: DOR DE CABEÇA; DORES MUSCULARES OU NAS JUNTAS; PROBLEMAS NOS RINS (SINTOMAS QUE INDICAM ISTO SÃO: MUDANÇA NAQUANTIDADE DE URINA E SUA COR, NÁUSEA, VÔMITO, CONFUSÃO, FEBRE E ERUPÇÕES); SENSAÇÃO DE DEPRESSÃO; ALUCINAÇÕES; MOVIMENTOS MUSCULARES ANORMAIS, OU TREMOR; SE VOCÊ É HOMEM, CRESCIMENTO OU ALARGAMENTO DO PEITO.

SE EM ALGUM MOMENTO VOCÊ APRESENTAR SINTOMAS QUE NÃO CONSIGAENTENDER, CONSULTE SEU MÉDICO OU FARMACÊUTICO.

9. O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada deste medicamento

Superdosagem de Antidin

Devido à elevada especificidade de ação da ranitidina, não é de se prever a ocorrência de problemas significativos no caso de eventual superdosagem com Antidin®.

Caso isto ocorra, procure socorro médico o mais rápido possível.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Devido à elevada especificidade de ação da ranitidina, não é de se prever a ocorrência de problemas significativos no caso de eventual superdosagem com Antidin®.

Caso isto ocorra, procure socorro médico o mais rápido possível.

Dizeres Legais

Nº do lote e data de fabricação: VIDE CARTUCHO

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

Farm. Resp.: Andreia Cavalcante Silva

CRF-GO nº 2.659

M.S. no 1.0370.0161

LABORATÓRIO

TEUTO BRASILEIRO S/A

CNPJ -17.159.229/0001-76

VP 7-D Módulo 11 Qd. 13 -DAIA

CEP 75132-140 - Anápolis -GO

Indústria Brasileira

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)