PUBLICIDADE

Espermatozóides anormais podem dificultar a gravidez: saiba como identificar

Ingerir bebidas alcoólicas e obesidade podem prejudicar os espermatozoides e causar infertilidade. Veja como diagnosticar!

O processo de formação do gameta masculino (espermatozoide) tem origem durante a gametogênese. Depois de formados, esses gametas podem apresentar alguma deformidade e uma das anomalias é a chamada teratozoospermia, também uma das causas de infertilidade masculina.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Diversos fatores podem estar relacionados ao problema, como os hábitos de fumar e ingerir bebidas alcoólicas, uso crônico e prolongado de medicamentos, obesidade e processos inflamatórios dos órgãos genitais.

Outro motivo muito comum para alteração na produção seminal é o aumento da temperatura corporal gerado pelo quadro febril prolongado ou pela exposição ao calor excessivo repetidas vezes como, por exemplo, em banhos quentes, banheiras, entre outros. O calor pode reduzir a produção e a capacidade de movimentação de espermatozoides, e aumentar a quantidade de espermatozóides com formato alterado no sêmen.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Diagnóstico

Para diagnosticar o problema, o espermograma ou análise do sêmen é, até hoje, o exame mais importante. O teste avalia a capacidade reprodutiva dos homens, tanto a quantidade como a qualidade dos seus espermatozoides. O homem é diagnosticado com teratozoospermia quando o sêmen apresenta grande número de espermatozoides defeituosos, por exemplo, com alterações estruturais na cauda, cabeça e peça intermediária.

A varicocele, dilatação das veias que drenam o sangue dos testículos, também pode estar associada à teratozoospermia pelo mesmo efeito do calor local. Na maior parte destes casos, a intervenção cirúrgica de correção com microscópio pode ser indicada e apresenta boas taxas de sucesso na recuperação dos parâmetros seminais.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A Organização Mundial da Saúde (OMS) atualizou alguns critérios no ano de 2010 para uma correta análise do espermograma. Para a coleta do sêmen, sugerida por meio de masturbação, recomenda-se que o homem fique de 3 a 5 dias em abstinência sexual.

No exame, o sêmen passa por dois tipos de análise: um a ?olho nu? (macroscópica) e outro por meio de microscópios (microscopia). Os dados encontrados podem, inclusive, ajudar a diagnosticar as possíveis causas da infertilidade masculina e trabalhar como complemento para determinar a infertilidade do casal.

Mudança de hábitos

Cultivar hábitos saudáveis, como evitar fumar, bebidas alcoólicas em excesso e o sedentarismo podem contribuir para a otimização da fertilidade. Buscar a orientação de um médico especialista para investigar e tratar as verdadeiras causas do problema, também encurtará o caminho até a gravidez desejada pelos futuros pais.