PUBLICIDADE

Câncer de pele de Luxemburgo é o menos agressivo: entenda

Atual técnico do Vasco foi diagnosticado com carcinoma no nariz e precisará fazer uma cirurgia para remover o tumor; veja como se prevenir da doença

Vanderlei Luxemburgo, atual técnico do Vasco, pegou muitos fãs e torcedores de surpresa ao fazer uma revelação inesperada. Na última sexta-feira (22), o treinador do time carioca informou que está com um câncer de pele e precisará passar por uma cirurgia para tratar a doença.

Aos 67 anos, Luxemburgo descobriu o problema após retirar três pintas no nariz para realização de biópsia. De acordo com o site Globoesporte.com, uma delas foi identificada como carcinoma maligno que, apesar de delicado, é o tipo menos agressivo de câncer de pele.

Em um vídeo divulgado pela Vasco TV, o técnico falou sobre o diagnóstico, afirmando que precisará fazer uma "cirurgia simples" no local. "O médico me disse que se tivesse que escolher um câncer seria melhor esse, pois tem 99% de ficar bom. Está tudo tranquilo e não é nada de grave", disse.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Na gravação, Luxemburgo também comentou sobre um dos principais fatores de risco para o câncer de pele e a necessidade de cuidados para evitar a doença. "Nunca me preocupei em passar protetor [solar], mas é um conselho que tenho que dar. Se cuidar sempre e se proteger", afirmou.

Por conta do tratamento contra o carcinoma, o treinador revelou que deve ficar fora de um jogo do Vasco no Campeonato Brasileiro. Entretanto, ele mostrou otimismo para estar com a equipe nas outras partidas do torneio.

Tipos de câncer de pele

Os cânceres de pele são os mais comuns no Brasil, atingindo cerca de 180 mil brasileiros por ano. A doença ocorre devido ao crescimento anormal das células que compõe a pele e, por isso, podem originar diversos tipos de tumor.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Em termos gerais, eles podem ser divididos em duas categorias: melanoma e não melanoma. Quando se se fala em câncer de pele não melanoma, um dos principais é o carcinoma basocelular, tipo que afetou Vanderlei Luxemburgo.

O que é carcinoma basocelular?

Responsável por 70% dos casos de câncer de pele, o carcinoma basocelular é considerado o tipo menos agressivo da doença. Diferente dos outros, ele apresenta crescimento muito lento, que dificilmente invade outros tecidos e causa metástase.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Esse tipo de câncer de pele é encontrado frequentemente nas partes do corpo que ficam mais expostas ao sol, como rosto e pescoço, sendo que o nariz é a localização mais frequente. Quando o tumor é retirado precocemente, as chances de cura são altas.

Como se prevenir do câncer de pele

Assim como apontou Luxemburgo, pessoas que tomaram muito sol ao longo da vida sem proteção adequada têm um risco aumentado para o câncer de pele. Isso porque a exposição solar desprotegida agride a pele. Quanto mais queimaduras solares a pessoa sofreu durante os anos, maior é o risco de ter a doença.

Portanto, é extremamente importante evitar a exposição ao Sol sem proteção para prevenir o câncer de pele. Para isso, é necessário adotar uma série de hábitos, que vão desde o uso diário de filtro solar até o cuidado com os momentos de maior insolação do dia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Cuidados contra o câncer de pele

7 sinais na pele que justificam uma consulta com o dermatologista

Fazer exame de pele anual previne o aparecimento de câncer de pele

Proteção contra câncer de pele deve começar na infância

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)