PUBLICIDADE

As férias são dele; mas você também pode brincar de ser criança!

Aproveite para curtir idéias simples e inesquecíveis com seu filho

Com a chegada das férias, não é só o pique que precisa ser multiplicado para dar conta de todas as estripulias desejadas pelas crianças. A imaginação também precisa se desdobrar, inventando brincadeiras para os dias de chuva, para os dias sem dinheiro, para os dias sem tempo... Coisas que os pequenos não entendem o significam, mas chiam quando sentem seus efeitos práticos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

E, se eles não precisam de um manual para aprender a aproveitar a infância, tem muita mãe que sonha com um. Para elas, a jornalista (e mãe de duas meninas) Paula Perim escreveu o delicioso 101 idéias para curtir com seu filho antes de ele completar 10 anos. São ideias que tiram o trem da rotina dos trilhos , afirma a atriz (e mãe) Denise Fraga, no prefácio da obra. Tem dicas de passatempo para quando um temporal tranca todo mundo dentro de casa, para aqueles finais de semana prolongados, para vocês guardarem na memória para sempre, para se sujar sem culpa...

Abaixo, confira algumas das ideias que separamos e já programe suas favoritas para os próximos dias!

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Para se sujar sem bronca

Carimbo da mãozinha: a molecada adora uma tinta. E quanto mais colorida, mais eles se divertem. Então que tal pegar um monte de pratos descartáveis, diluir guaches e pintar uma cartolina inteira com as marcas das mãos de vocês? Ainda para brincar misturando os tons e criando novos, carimbar papéis menores que depois podem virar pequenos quadros de lembrança ao vovô e à vovó.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Banho no cachorro: além de economizar o dinheiro do pet shop, a farra vai render risadas pela tarde inteira. Só é importante ter certeza de que o bichinho não vai se assustar com a folia e acabar avançando na criança (o que traria mais sustos do que divertimento).

Chiclete de bruxa: a meleca aqui é das boas. Separe cola branca, farinha de trigo e guache de várias cores. Para incrementar, até glitter é bem-vindo , sugere a autora, especialista numa bagunça animada. Numa vasilha de plástico, vá pondo os ingredientes e mexendo sem parar com uma colher de pau ou um palito de madeira. Assim que ele começar a endurecer, retire da vasilha e coloque sobre um pedaço de papelão para secar. No dia seguinte, o feitiço está pronto: o chiclete de bruxa vira uma escultura!

Férias
Férias

Brincando de ser do contra

Jantar no sofá: comer fora da mesa é proibido na maioria das casas. Então, nada mais gostoso do que desobedecer a regra em família de vez em quando. É só trocar o arroz com feijão por uma pedida perfeita para ser comida com as mãos (que tal uma pizza?), acomodar todo mundo na sala e aproveitar a sessão com um bom filminho na televisão.

Dormir com os pais: quando isso se torna um hábito, temos um problema. Mas, vez ou outra, sentir o corpo quentinho do seu bebê é uma delícia. E ele também vai adorar acordar abraçadinho com os pais, sem levar bronca. Basta deixar claro que o episódio foi só aquela vez. (incentive a autonomia da criança)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Brincar com gelo: os menores adoram. É só separar uns cubinhos e dar na mão deles. A diversão e a melequeira estão garantidas com a água escorrendo pelo chão e a mãozinha dele ficando cada vez mais gelada. Para dias de chuva

Ler um livro na rede: o passatempo é ótimo em qualquer situação. Mas, com chuva e o balancinho da rede, fica melhor ainda. Só não vale apostar quem vai dormir primeiro!

Cabra-cega: esse esconde-esconde das antigas encanta crianças de todas as idades. Basta vendar um dos participantes e soltá-lo pela casa. Só tome cuidado para não deixar louças e outros objetos perigos no meio do caminho, para que a brincadeira não termine em gritos e choros.

Escrever uma história: principalmente quando ainda não sabem escrever, eles acham o máximo observar um adulto agrupando as palavras. Aproveite e façam isso juntos, com ele ditando as aventuras para você. No final, leia como ficou e guarde. Para quem gosta de desenhar, a brincadeira pode ser a montagem de uma exposição de arte pelas paredes da casa, só com desenhos feitos por vocês. Vale até criar umas colagens, com figuras retiradas de revistas.(histórias infantis falam muito sobre seu filho).

Dançar no meio da sala: a simplicidade aqui é diretamente proporcional às risadas. Basta separar umas músicas bem animadas e pular ao ritmo delas com a molecada. Eles vão adorar ver a mamãe e o papai dando uns tremeliques. Para sair de casa.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Fazer um piquenique de bonecas: toalha xadrez, pratinhos, copinhos de brinquedo, muitas bonecas e comida de verdade! Nessa festa, você e sua filha (as amiguinhas dela também podem participar, cada uma com sua boneca preferida) são as convidadas de honra.

Férias
Férias

Brincar com bolinhas de sabão: o mento é quase mágico para os pequenos. Tudo é incrível: a bolinha se formando, quando ela voa, os reflexos azulados que se formam e splosh! a hora que estoura. Os olhinhos deles brilham sem parar

Observar as nuvens: deitar no chão, de cara para o céu, e ficar procurando desenhos nas nuvens faz qualquer um perder a noção do tempo. Pode ser no quintal de casa, na pracinha, na praia ou até no banco traseiro do carro, quando a viagem está demorada. Nos dias de sol, só não esqueça o protetor solar. (escolha o melhor protetor para vocês) O que você costuma fazer nas férias dos seus filhos?