publicidade

Proteja sua casa contra os ácaros e melhore sua saúde

Cuidados diários com os ambientes afastam de perto alergias respiratórias


Estender a colcha no sol, aspirar as cortinas, nunca deixar uma toalha na mesa das refeições e outras medidas protegem o ambiente doméstico dos ácaros e de outros micro-organismos causadores de alergias. Muitas vezes, nos preocupamos com lugares públicos e esquecemos de olhar a nossa própria casa como fonte de causadores de doenças. E quem sofre com problemas respiratórios, como asma, bronquite e rinite, precisa redobrar os cuidados.

"Dentro de casa há utensílios considerados habitat ideal para o acúmulo de micro-organismos, como a tábua utilizada na cozinha para cortar alimentos, que é feita de madeira, ou a toalha de rosto que não é trocada com frequência no banheiro", explica o infectologista Milton Lapchik. Logo abaixo, você descobre como eliminar a poeira de todos os cantos da casa, protegendo a sua imunidade e sua saúde.

Livre sua casa de ácaros

Na cozinha

Pano de prato: eles costumam carregar muitas impurezas, pois além de servir para secar a louça, secam as mãos e ainda podem acumular a poeira da cozinha. Nunca deixe o pano molhado e embolado, pois isso favorece a proliferação de bactérias. Uma dica é ter mais de uma peça na cozinha. Uma delas, exclusiva para as louças e utensílios. Depois disso, estenda no varal para secar. Troque as peças mais de uma vez por semana para evitar o acúmulo de sujeira

Toalha de mesa: deixá-la sobre a mesa, após as refeições é uma péssima ideia. Sobre a toalha recaem todas as impurezas do ar. Outro cuidado é não guardar a toalha suja ou molhada, pois isso aumenta a reprodução de micro-organismos. Se sujou, está na hora de trocar.

Pia de louças: a troca da esponja e do paninho de secar deve ser periódica. "Eles devem ser descartados quando a sujeira não puder ser removida ou antes de começarem a despedaçar", completa o infectologista Milton Lapchik. Além de acumularem gordura, eles são foco de bactérias pois acumulam fragmentos de alimentos. A dica é higienizá-los bem, com sabão e água quente, e esperar que sequem para guardá-los em local seco e limpo.

No banheiro

As toalhas, de banho ou de rosto, sofrem com duas situações: quando estão secas, acumulam poeira. E se ficam úmidas por muito tempo, também podem acumular bactérias e fungos. Além disso, como é usada por várias pessoas acaba tornando-se em um meio de transmissão desses micro-organismos. Em casa, a dica do especialista é de trocar as toalhas sempre que se encontrarem sujas ou que impossibilitem a limpeza correta. Mesmo se estiverem secas, procure deixá-las estendidas e não jogadas no quarto ou no banheiro para não acumular ácaros.

Na sala

Tapetes e carpete também podem ser uma ameaça para a saúde, principalmente para o sistema respiratório. Dependendo do material utilizado na confecção, o próprio tecido pode desencadear alergias, ao soltar fiapos minúsculos no ambiente. Mas o que geralmente provoca reações alérgicas são os elementos que se depositam nele, como poeira, ácaros e pelos de animais. Segundo a pediatra Elza Yamada, o ideal é retirar os resíduos diariamente para que não haja o acúmulo. "Utilizar produtos adequados duas vezes por semana, além da limpeza diária, podem garantir um local limpo e sem riscos de ocasionar processos alérgicos", enfatiza a pediatra. Portanto, não esqueça de:

Extermine os ácaros
  • Manter a sala sempre arejada e ensolarada
  • Limpar a mobília com pano úmido com frequência superior a uma vez por semana
  • Aspirar o sofá, tapetes e carpetes, além de passar pano úmido no piso periodicamente
  • Aspirar as cortina uma vez por semana. Em caso de cortinas de tecido leve, lave-as a cada 15 dias no máximo.

No quarto

Quando mal conservados, os lençóis, travesseiros, colchões e cobertas são verdadeiros depósitos de micro-organismos, causadores de alergias. Eles podem reunir ácaros, poeira e até células mortas do corpo. Quanto maior o tempo desde a última higienização, maior a quantidade dessas partículas alojadas no local. Segundo Elza Yamada, colchões e travesseiros de quem já tem pré-disposição para alergias precisam ainda mais de cuidados. "O ideal seria lavar as roupas de cama com frequência e colocar o colchão, travesseiros e edredons para tomar sol", explica a pediatra. 



Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.
Este conteúdo ajudou você? Já ajudou você e + 1254 pessoa(s) Já avaliou

Imprima

Erro

erro

Comente

Compartilhe

Shopping Vida Saudável

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Copyright 2006/2014 Minha Vida - Todos os direitos reservados

"As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas."


Você está usando uma versão antiga do seu navegador :( Para obter uma melhor experiência, atualize agora!
X