É possível manter o diabetes controlado no final de ano sem passar vontade

Siga as dicas para evitar resultados negativos em janeiro

ARTIGO DE ESPECIALISTA - PUBLICADO EM 14/12/2015

Dra. Andressa Heimbecher Soares
Endocrinologia e Metabologia - CRM 123579/SP
especialista minha vida

Dezembro é mês do Natal, do Réveillon e de muitas festas de confraternização. E sabe o que todas estas festas tem em comum? Acertou quem pensou em comida. Confraternizar e passar bons momentos com pessoas que gostamos é uma das melhores partes da vida, mas o que inegavelmente acontece em festas é que entre um papo e outro vem sempre uma guloseima, uma comida apetitosa a mais ou uma bebida. E o Diabetes que estava tão controlado o ano todo, corre o risco de descontrolar.

Lembre-se que festas e confraternizações, apesar de ocorrerem em momentos onde há bastante comida, não são sobre comida, são sobre relacionamentos

Para evitar que os bons momentos de dezembro venham se tornar uma dor de cabeça com exames alterados em janeiro, é importante tomar alguns cuidados.

Estratégias para enfrentar as ceias

Pacientes com diabetes tipo 2, principalmente e via de regra, devem evitar ganhar peso neste período. A atenção com a balança começa com boas escolhas no prato. Na hora da ceia, foque na regrinha de um prato apenas. Monte seu prato com os itens que você deseja e evite repetir. Além disso, passe longe dos carboidratos simples: pão branco, arroz branco e macarrão branco. Eles devem ser substituídos por pão integral, macarrão integral e arroz integral. Assim, você vai ingerir alimentos com índice glicêmico menor, que farão a glicemia oscilar menos.

Uma boa dica é procurar versões light dos pratos tradicionais. Vai ter farofa? Pense em uma versão, por exemplo, com quinoa no lugar da farinha. E se retirarmos o bacon? Assim evitamos aumento nos níveis de colesterol ruim, o LDL. Há várias receitas menos calóricas de pratos tracionais disponíveis na internet. É só experimentar!

Você pode ver algumas receitas saudáveis e deliciosas para as festas de fim de ano aqui.

Consulte seu médico

Uma boa consulta com seu médico e nutricionista é também uma excelente estratégia para "enfrentar" o final de ano. Mudar a dieta alguns dias antes colocando alimentos com mais fibras para dar mais saciedade, pode ser conversado. Se você usa insulina, como vai fazer refeições no período noturno, vale checar com seu médico se a medicação irá precisar de ajustes. 

E lembre-se: fim de ano, Natal e festas acontecem todos os anos. É muito importante aproveitar com sabedoria este período, sem exagerar na alimentação, pois sua saúde não tem preço. Lembre-se que festas e confraternizações, apesar de ocorrerem em momentos onde há bastante comida, não são sobre comida, são sobre relacionamentos. Busque se concentrar nas conversas, nas amizades e neste momento tão especial que é celebrar!

Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não