Hemangioma

Visão Geral

O que é Hemangioma?

Um hemangioma é um acúmulo anormal de vasos sanguíneos na pele ou nos órgãos internos que pode ocorrer em qualquer parte do corpo, embora seja mais comum na face, no couro cabeludo, no peito e nas costas.

Em média, 30% dos hemangiomas estão presentes já no nascimento. O restante aparece nos primeiros meses de vida.

Tipos

O hemangioma pode:

  • Estar situado nas camadas superiores da pele (hemangioma capilar)
  • Estar localizado mais profundamente na pele (hemangioma cavernoso)
  • Ser uma mistura de ambos

Causas

Um hemangioma consiste de um acúmulo anormalmente denso de vasos sanguíneos que pode acontecer tanto sobre a pele, em qualquer parte do corpo, quanto em órgãos internos do organismo.

Ainda não está claro para os cientistas o que faz com que os vasos sanguíneos se agrupem dessa maneira, embora alguns acreditem que possa haver um componente hereditário envolvido.

Fatores de risco

Qualquer pessoa está sujeita aos hemangiomas, mas alguns fatores de risco aumentam as chances de desenvolvê-los. Neste caso, alguns grupos de pessoas estão entre os que mais estão sujeitos ao surgimento desses acúmulos. São eles:

Sintomas

Sintomas de Hemangioma

Um hemangioma pode estar presente desde o nascimento, mas também costuma aparecer durante os primeiros meses de vida da pessoa. Ele começa como uma marca vermelha plana em qualquer parte do corpo, mais frequentemente no rosto, couro cabeludo, peito ou nas costas. Normalmente, uma criança tem apenas uma marca, mas algumas crianças podem ter mais de uma.

Durante o primeiro ano de vida, a marca vermelha cresce rapidamente e se torna uma massa esponjosa que se projeta a partir da pele. O hemangioma, em seguida, entra em uma fase de repouso e depois começa a desaparecer lentamente.

Metade de todos os hemangiomas desaparecem em até cinco anos, e quase todos os hemangiomas somem em até dez anos. Embora a cor da marca de nascença também desapareça, resíduos da marca podem permanecer na pele da pessoa.

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Todas as marcas de nascença, inclusive os hemangiomas, devem ser avaliadas pelo médico durante um exame de rotina.

Hemangiomas nas pálpebras podem interferir no desenvolvimento da visão normal e devem ser tratados nos primeiros meses de vida. Hemangiomas que interferem com a respiração, a alimentação e outras funções vitais devem ser tratados o mais cedo possível.

Procure assistência médica se você ou seu filho tiver um hemangioma nessas condições.

Na consulta médica

Marque uma consulta com um dermatologista. No consultório, mostre o hemangioma e descreva eventuais sintomas que você possa estar sentindo. Esclareça suas dúvidas e responda corretamente às perguntas que o médico poderá lhe fazer, como:

  • Seu hemangioma é de nascença ou surgiu nos primeiros meses de vida?
  • Você tem sentido sintomas que acredita que possam estar relacionados ao hemangioma?
  • Você tem mais de um hemangioma?
  • O hemangioma lhe incomoda ou lhe causa dor?

Diagnóstico de Hemangioma

O diagnóstico de hemangiomas é feito somente por meio da observação clínica, no próprio consultório médico. Exames adicionais não são necessários.

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Hemangioma

A maioria dos hemangiomas não precisa de qualquer forma de tratamento. Alguns pais acham que o tratamento de hemangioma é necessário porque as marcas podem ser desfigurantes e podem causar problemas sociais ou psicológicos para seus filhos. Os médicos, no entanto, pode ser hesitante para tratar um hemangioma que não está causando problemas físicos. Além disso, hemangiomas geralmente desaparecem gradualmente, sozinhos e sem tratamento. Tratamentos podem causar efeitos colaterais diversos. Se eles puderem ser evitados, é melhor.

No entanto, se o crescimento do hemangioma está interferindo na visão de seu filho ou está provocando outros problemas, as opções de tratamento podem incluir:

  • Medicamentos corticosteroides
  • Cirurgia a laser, que pode ser usado para impedir o crescimento de um hemangioma e também para removê-lo ou para tratar feridas em um hemangioma que não cicatriza

Consulte um médico sobre os prováveis efeitos colaterais para esses tipos de tratamento.

Outros medicamentos e opções de tratamento que não causem efeitos colaterais estão sendo testadas e estudadas. Por enquanto, a recomendação médica para os pais que estão pensando em submeter os filhos a tratamento, mesmo sem necessidade, é que se pesem os prós e os contras. É sempre importante ter em mente que hemangiomas desaparecem sozinhos ainda na infância.

Convivendo (prognóstico)

Complicações possíveis

Ocasionalmente, um hemangioma pode romper e desenvolver uma ferida, o que pode causar dor, sangramento, formação de cicatrizes e até mesmo infecção. Dependendo de onde o hemangioma está situado, pode interferir na visão, na respiração, na audição e até na evacuação – embora seja muito raro.

Expectativas

Hemangiomas pequenos e superficiais normalmente desaparecem sozinhos. Em média, 50% desaparecem aos cinco anos e 90% desaparecem antes dos dez anos de idade.

Prevenção

Prevenção

Não há como impedir o surgimento de hemangiomas.

Fontes e referências

  • Sociedade Brasileira de Dermatologia
  • Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não