Tifo

Visão Geral

O que é Tifo?

O tifo é uma doença bacteriana disseminada por piolhos ou pulgas.

Sinônimos

Tifo endêmico

Causas

O tifo é causado por dois tipos de bactéria: Rickettsia typhi ou Rickettsia prowazekii. O tipo de tifo depende do tipo de bactéria responsável pela infecção.

A bactéria Rickettsia typhi é responsável pelo tifo murino ou endêmico. O tifo endêmico é incomum nos Estados Unidos. É normalmente visto em regiões frias onde a higiene é precária. O tifo endêmico também é conhecido como febre tifoide.

O tifo murino ocorre no sul e sudeste dos Estados Unidos, geralmente no verão e outono. Raramente é fatal. Os fatores de risco do tifo murino são:

  • Exposição a pulgas ou fezes de ratos
  • Exposição a outros animais (gatos, gambás, guaxinins, cangambá e ratos)

A bactéria Rickettsia prowazekii é responsável pelo tifo epidêmico e pela doença de Brill-Zinsser. A doença de Brill-Zinsser é uma forma menos grave de tifo epidêmico. Ela ocorre quando a doença se reativa em uma pessoa previamente infectada. Ela é mais comum em idosos. Piolhos e pulgas de esquilos-voadores espalham a bactéria.

Exames

Um hemograma completo pode detectar anemia e baixo número de plaquetas. Outros testes sanguíneos podem mostrar:

  • Alto nível de anticorpos de tifo
  • Baixo nível de albumina
  • Baixo nível de sódio
  • Insuficiência renal moderada
  • Enzimas hepáticas moderadamente elevadas.

Sintomas

Sintomas de Tifo

Os sintomas do tifo murino e tifo endêmico abrangem:

  • Dor abdominal
  • Dor nas costas
  • Diarreia
  • Erupção vermelha e entorpecente que se espalha a partir do meio do corpo
  • Febre extremamente alta (39 a 40 °C), que pode durar até 2 semanas
  • Tosse seca
  • Dor de cabeça
  • Dor articular e muscular
  • Náusea
  • Vômitos

Os sintomas do tifo epidêmico podem incluir:

  • Calafrios
  • Tosse
  • Delírio
  • Febre alta (39 a 40 °C)
  • Dor articular (atralgia)
  • Luzes que parecem muito brilhantes
  • luzes que podem machucar os olhos
  • Pressão arterial baixa
  • Erupção que se espalha pelo corpo a partir do peito (exceto nas palmas das mãos e nas solas dos pés)
  • Enxaqueca
  • Dor muscular grave (mialgia)
  • Estupor

A erupção inicial é rosa fraco e desaparece ao ser pressionada. Mais tarde, a erupção se torna entorpecente e vermelha e não desaparece. As pessoas com tifo grave também podem apresentar pequenas áreas de sangramento na pele (petéquias).

Buscando ajuda médica

Ligue para seu médico se desenvolver sintomas de tifo. Esse é um distúrbio grave que pode precisar de cuidados de emergência.

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Tifo

O tratamento consiste em antibióticos, tais como:

  • Doxiciclina
  • Tetraciclina
  • Cloramfenicol (menos comum)

A tetraciclina administrada oralmente pode manchar permanentemente os dentes ainda em formação. Assim, não costuma ser prescrita para crianças até que se formem todos os dentes permanentes.

Os pacientes com tifo epidêmico podem precisar de líquidos intravenosos e oxigênio.

Convivendo (prognóstico)

Expectativas

Sem tratamento, a morte pode ocorrer em 10 a 60% dos pacientes portadores de tifo epidêmico. Pacientes acima dos 60 anos correm maior risco de morte. Pacientes que recebem o tratamento logo no início devem se recuperar completamente.

Menos de 2% dos pacientes com tifo murino não tratados podem morrer. O tratamento antibiótico imediato cura quase todos os pacientes.

Prevenção

Prevenção

Evite regiões onde pode haver pulgas ou piolhos de ratos. Boas medidas de saneamento e saúde pública reduzem a população de ratos.

Medidas para se livrar dos piolhos quando a infecção é descoberta consistem em:

  • Banho
  • Ferver as roupas ou evitar roupas infestadas por pelo menos 5 dias (piolhos morrem pela falta do sangue para se alimentar)
  • Usar inseticidas (10% de DDT, 1% de malatião ou 1% de permetrina)

Fontes e referências

  • Bechah Y, Capo C, Mege JL, Raoult D. Epidemic typhus. Lancet Infect Dis. 2008;8:417-426.
ADAM logo

A.D.A.M., Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.
As informações aqui fornecidas não poderão ser usadas durante nenhuma emergência médica, nem para o diagnóstico ou tratamento de doenças. Um médico licenciado deverá ser consultado para o diagnóstico ou tratamento de todas as doenças. Ligue para 192 em caso de emergências médicas. Os links para outros sites são fornecidos apenas a título de informação e não constituem um endosso a eles.

Este conteúdo ajudou você?
Sim Não