PUBLICIDADE

Tricorrexe nodosa é causa de "pontinhos brancos" no cabelo

Nódulos esbranquiçados e fragilidade capilar são as características mais comuns da patologia

Descubra o poder de um sorriso.
Participe da newsletter

Preencha os campos* abaixo.
X

*Ao concluir, você concorda com a nossa Política de Privacidade e aceita receber novidades do Minha Vida e seus parceiros.

Cadastro efetuado com sucesso!

Por ANN PATCHANAN / Shutterstock
Por ANN PATCHANAN / Shutterstock

A tricorrexe nodosa ou tricorrexis nodosa, patologia capilar que causa pequenos nódulos ou pontos esbranquiçados ao longo da extensão do cabelo, é bastante comum e notada nas madeixas tanto femininas quanto masculinas. O problema pode aparecer como bolinhas brancas em uma determinada área ou distribuídas simultaneamente em vários lugares do cabelo.

Em geral, a tricorrexe nodosa se caracteriza de três formas:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Para se ter o diagnóstico de qual das modalidades está presente no cabelo é importante consultar especialistas da área da tricologia para uma avaliação clínica e realizar exames mais específicos, como a microscopia da haste capilar e a tricoscopia.

O aparecimento da tricorrexe nodosa está relacionado, na maioria das vezes, à ação de agentes externos, como excesso de químicos, exposição solar, poluição, traumas físicos e mecânicos (provocados por chapinhas, babyliss ou escovas), uso de produtos inapropriados, secadores e até água muito quente, do mar ou piscina. Existem os casos congênitos, mas raros, que se manifestam na infância e pedem acompanhamento médico.

Essas bolinhas esbranquiçadas causadas pela tricorrexe nodosa decorrem de uma alteração da haste capilar resultante dessas agressões citadas. Em geral, essa alteração vem seguida do rompimento da cutícula, que é a sua parte mais externa. Por conta de tais danos, ocorre uma abertura parcial das fibras internas do córtex que constituem o cabelo, situação que torna o fio muito frágil, rompendo-se facilmente.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Se não for tratado, o cabelo pode apresentar falhas e, nas situações mais severas, corte químico - situação grave de quebra capilar.

Além disso, os fios também podem ficar com aspecto ressecado, áspero, sem viço, quebradiço e com dificuldade de crescer de maneira saudável. O indicado é buscar ajuda de especialistas e fazer uma avaliação médica para, enfim, realizar o tratamento mais adequado para o caso.

Um dos primeiros passos para tratar a tricorrexe nodosa é interromper ou evitar os fatores que desencadearam o processo, mudando costumes diários para que o tratamento surta efeito. Embora não haja cura definitiva no fio afetado - já que é muito difícil recuperar as fibras que tiveram ruptura -, é possível aplicar vários recursos que fortalecem a fibra capilar, fecham as cutículas, restauram a camada protetora, promovem a hidratação e estimulam o crescimento para que as partes danificadas sejam gradativamente cortadas. Seguindo esses passos, os fios lesionados poderão ser completamente eliminados.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A utilização da mesoterapia capilar através da aplicação de substâncias como aminoácidos, vitaminas e antioxidantes associados a loções capilares é eficaz, além do uso de laser capilar, que traz muitos benefícios, e outros procedimentos