PUBLICIDADE

Dicas para chegar ao orgasmo sem penetração

Beijos, estímulos visuais e toques podem levar o casal ao prazer e trazer novas experiências para a relação

Por Glennia Goulart (Crefito-117413-F)*

Fisioterapeuta especialista em sexualidade, colaboradora da Plataforma Sexo sem Dúvida.

Na atualidade, o termo gouinage está em alta e vem da França. Literalmente a palavra significa sexo lésbico, mas, na verdade, tem tudo a ver com o sexo sem penetração.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Nessa técnica são usados todos os cinco sentidos para descobrir as zonas erógenas. Esse método é aplicado na terapia sexual para que se desvincule o sexo da penetração. A penetração não deve ser obrigatória para que o sexo seja prazeroso. É possível, sim, chegar ao orgasmo com essa prática.

Ela também é muito útil para os homens heterossexuais explorarem novas formas de prazer, desfocar do pênis e, assim, erotizar outras partes do corpo.

Como estimulação vale tudo: beijar, lamber, massagear, morder e acariciar. Nessa modalidade não existe pressa. O importante é se curtir sem ter hora pra acabar, com foco só no prazer.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O gouinage não é só masturbar um ao outro - vai muito além disso. É explorar o corpo todo com todos os sentidos. No caso de mulheres, vale um enfoque para as zonas erógenas, que geralmente são atrás da orelha, pescoço, parte interna das coxas e braços e pés. No caso dos homens, mamilos, virilha, abdome, pescoço e pés.

Também há casais que praticam algo parecido sem saber por conta de algumas limitações, como mulheres que têm dor na relação, vaginismo, vulvodínia, traumas sexuais ou qualquer outro problema que atrapalhe ou impossibilite a penetração. Para esses casais e para aqueles que buscam novas formas de prazer, algumas dicas para chegar ao orgasmo sem penetração:

Famosa espanhola: posicione o pênis entre os seios e simule os movimentos do sexo. Utilize lubrificante para deslizar melhor e aprimorar a sensação.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Brinquedos eróticos: hoje no mercado existe uma infinidade de opções de acessórios. Temos vibradores para todos os gostos, dos mais variados tamanhos e modelos; géis funcionais que aumentam a sensibilidade e provocam sensações diferentes e, assim, potencializam o prazer, entre outros.

Sexting: é o famoso "manda nudes", muito utilizado no isolamento. Os casais se excitam com conversa, imagens e vídeos compartilhados e chegam ao orgasmo com a própria estimulação.

Sexo oral: é uma boa pedida para uma estimulação bem eficiente e também causar orgasmos incríveis.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Masturbação: acho que essa é a primeira opção quando pensamos em sexo sem penetração. Para mulher, geralmente é mais eficaz que a penetração já que o clitóris é o meio mais fácil de chegar ao orgasmo, e a estimulação externa é mais fácil.

Usar e abusar das fantasias e imaginação: nosso maior órgão sexual é o cérebro, e tem pessoas capazes de chegarem ao orgasmo somente com os pensamentos eróticos. Abuse desse recurso!

Massagem sensual: estimular o parceiro com toques excitantes em todo o corpo utilizando um óleo para facilitar o deslizamento é uma boa pedida. Esse óleo também pode ter outras funcionalidades, como esquentar, por exemplo, para ativar mais ainda a sensibilidade.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Essas dicas podem ajudar a intensificar o prazer a dois de formas diferentes, tirando totalmente o foco da penetração.

*Fisioterapeuta pela UniEvangelica de Anápolis (Crefito-117413-F). Pós graduada em fisioterapia na saúde da mulher pela Universidade Cândido Mendes do RJ. Psicóloga pela Anhanguera de Anápolis (CRP 06/152980). Pós graduada em Sexualidade Humana pela Universidade Cândido Mendes do RJ.Colaboradora da Plataforma Sexo sem Dúvida.