PUBLICIDADE

Geração X, Y, Z e Centennials: entenda cada uma delas

Acredita-se que as gerações tenham determinados comportamentos como resultado de vivências na sua infância e adolescência

Geração Y, X, Z. Em nossa sociedade costumamos caracterizar as gerações pelo tipo de comportamento da época. A definição do limite entre as gerações sempre foi muito imprecisa, variando de acordo com cada instituição.

Como forma de tentar distinguir os comportamentos de época a Pew Research Center definiu a "Geração Y", como sendo composta por todos os nascidos entre 1981 e 1996. Os jovens nascidos a partir de 1997, atuais adolescentes, são conhecidos como "Geração Z", ou Centennials.

Gerações X, Y, e Z

Acredita-se que as gerações tenham determinados comportamentos como resultado de vivências na sua infância e adolescência. Sendo que os Millennials, ou Geração Y, por exemplo, nasceram em uma época em que a tecnologia dava seus primeiros passos e assistiu ao seu rápido desenvolvimento, tendo que se adaptar à nova realidade.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Além disso, já tinham idade suficiente para se lembrarem do início da era do terrorismo internacional, o atentado às Torres Gêmeas, que gerou guerras e mudou o relacionamento entre as diferentes nações e raças. Economicamente nasceram em uma época de grande crescimento, porém vivenciaram a grande crise e recessão mundial.

Já a Geração Z nasceu na era da tecnologia e não consegue imaginar a vida sem ela. Cresceu em plena recessão econômica e assistiu à luta de seus pais durante a crise. No que diz respeito às relações internacionais, não sabem como era a vida antes do atentado de 11/9/2001.

Os Centennials

Como as gerações anteriores, os Centennials têm características próprias, sendo notória a relação deles com a internet e redes sociais. Estão sempre conectados, muitas vezes com mais de uma atividade simultaneamente e necessitam menos dos pais e professores para obter informações. São imediatistas, o que fica bem evidente no seu dia a dia. E-mail, por exemplo, é tido como coisa do passado. Essa geração não quer ter que esperar as respostas, preferindo mensagens como de whatsapp ou snapchat. No mercado de trabalho se mostram ansiosos, ávidos por desafios e rápidos nas soluções de problemas. Além disso, não entendem muito bem a hierarquia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Por terem crescido em meio à crise financeira mundial e assistido à luta de seus pais para manterem a situação econômica, mesmo diante da instabilidade e desemprego, acreditam que ter dinheiro é fundamental, se mostrando menos idealistas e mais pragmáticos do que a geração anterior. Eles sabem que devem ser competentes em ambientes de muito desafio e competitividade. O grande objetivo não é enriquecer, mas principalmente não passar necessidade, por isso buscam pela estabilidade financeira, focando no equilíbrio entre trabalho, família e lazer.

A geração Z é caracterizada pela diversidade e transparência. Nunca se viu tanta diversidade racial e sexual em uma geração e a tolerância é uma das suas grandes características. Lutam pela igualdade de todos os seres humanos e chegam a não entender determinados comentários e comportamentos que demonstrem racismo e intolerância, pois a diferença nunca foi uma questão para eles. Não se envergonham de quem são e expõem suas vidas pessoais e posições nas redes sociais abertamente.

Diante de tanta informação, os Centennials tendem a demonstrar maior preocupação em relação às causas ambientais e sociais, além de demonstrarem uma busca pela alimentação saudável mais intensa do que a geração anterior.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Problemas do Centennials

A grande preocupação que surge ao observarmos essa geração está relacionada ao excesso de conectividade. Muitos jovens, envolvidos no mundo virtual, deixam de praticar atividades físicas, ficando expostos à todas as repercussões que o sedentarismo pode ocasionar.

Do ponto de vista da saúde mental, o grande risco é a depressão, com alta incidência nessa faixa etária, provavelmente relacionada ao isolamento social. Quem não precisa de amigos reais, do tipo "pau para toda obra", daqueles que te entendem com um olhar, que oferecem um ombro amigo nas horas ruins e uma boa gargalhada nas horas boas?

Entendendo as gerações:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)