PUBLICIDADE

Bebê de 39 semanas: qual o tom certo para falar com ele?

Conversar com o bebê é fundamental para seu desenvolvimento mas exige cuidado e paciência

Semanas atrás seu bebê começava a entender o significado da palavra "não". Com 39 semanas ele já é capaz de saber a definição de várias palavras. As conversas no dia a dia são excelentes para ajudar seu bebê a desenvolver o vocabulário, porém requer alguns cuidados.

Quando conversamos com um bebê, instintivamente mudamos nosso tom de voz e isso é completamente normal. Contudo, de acordo com a pediatra Patrícia Rezende, é muito importante não usarmos palavras erradas propositalmente ao falar com eles, pois os bebês aprendem com o exemplo.

Além disso, busque sempre olhar nos olhos do bebê enquanto brinca e conversa com ele, esse gesto é muito importante para o desenvolvimento mental e social dele.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Quando o bebê começar a falar, algumas palavras serão pronunciadas de forma errada. Quando isso acontecer, não estimule mas também não tenha uma postura severa demais. A pediatra recomenda que, por exemplo, caso a criança fale "baiata" para se referir a uma barata, prefira frases como "você quer dizer barata?".

"Evite dizer 'você está falando errado, o certo é barata' para não desencorajar a falar e prejudicar o desenvolvimento da criança", recomenda a especialista.

Há quem goste de falar com o bebê imitando voz de criança, assim como existem aqueles que preferem não falar dessa maneira. Não existe um tom específico que seja mais adequado para conversar com o bebê, esse ponto deve ser definido pela mãe ou pelos pais, porém conversar de igual para igual ajuda na compreensão e desenvolvimento da criança.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)