PUBLICIDADE

Tosse seca pode ser sinal de doença estomacal: veja 4 sintomas inesperados

A doença do refluxo gastroesofágico pode causar azia e irritar o esôgago, porém sintomas comuns e inesperados tão podem indicar a condição

O refluxo pode ser um sinal de problemas sérios de saúde, esse é um termo usado para descrever uma patologia chamada de refluxo gastroesofágico, que nada mais é do que retorno do alimento do estômago para o esôfago. A doença do refluxo gastroesofágico (DRGE) é definida pela presença do refluxo associada a sintomas ou complicações.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

As queixas mais comuns incluem os sintomas típicos (queimação retroesternal e regurgitação) e atípicos (sensação de impactação alimentar, tosse crônica, asma, fibrose pulmonar, pneumonia, dor torácica, laringite, otite, aftas, rouquidão, pigarro, halitose e erosão dentária). Veja abaixo 4 sintomas inesperados do refluxo:

Tosse crônica

A doença do refluxo gastroesofágico pode causar tosse seca crônica. O mecanismo responsável por isto envolve a ocorrência de microaspirações do material refluído do estômago e uma exacerbação do reflexo de tosse mediada pelo nervo vago. Habitualmente a tosse é mais frequente durante o dia, mas pode piorar ao deitar. É importante ressaltar que o ato de tossir aumenta a pressão intra-abdominal e retroalimenta o problema ao favorecer a ocorrência de novos episódios de refluxo gastroesofágico.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Dores no peito

Uma manifestação atípica da doença do refluxo gastroesofágico é a dor torácica, muito importante por fazer diagnóstico diferencial com a angina do peito. A dor pode ser em queimação ou aperto, irradiando para o pescoço, o braço ou as costas e piorando após as refeições, após estresse emocional ou atividades físicas. Pode durar desde poucos minutos até várias horas e, como tem relação com a ocorrência de refluxo gastroesofágico (que pode causar espasmos esofágicos), por vezes melhora com o uso de antiácidos.

Rouquidão

Outro sintoma da doença do refluxo gastroesofágico é a rouquidão secundária a larinte. Isto ocorre pela exposição da laringe ao ácido estomacal, pepsina (enzima gástrica que atua na digestão de proteínas) e ácidos biliares. O exame de videolaringoscopia pode evidenciar alterações (por exemplo, hiperemia e edema na região interaritenoidea ou úlcera em prega vocal que sugerem o refluxo gastroesofágico como a causa da rouquidão.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Laringoespasmo paroxístico

O laringoespasmo é causado pela presença de ácido na laringe secundário ao refluxo do conteúdo gástrico, o que determina a contração das pregas vocais e isso leva a uma dificuldade transitória de respirar, com sensação de sufocamento e dificuldade para falar. Os episódios habitualmente duram cerca de alguns segundos ou uns poucos minutos. Por vezes, o paciente pode acordar a noite durante um episódio desta manifestação muito assustado com essa sensação de estar sufocado.

Referências

(1) Anatomical diagnostic protocol in evaluating chronic cough with specific reference to gastroesophageal reflux disease. Irwin, Richard S et al. The American Journal of Medicine , Volume 108 , Issue 4 , 126 - 130

(2) Review article: supra-oesophageal manifestations of gastro-oesophageal reflux disease J. R. MALAGELADA. Aliment Pharmacol Ther 2004; 19 (Suppl. 1): 43?48.

(3) Extraoesophageal manifestations of gastro-oesophageal reflux. Poelmans J, Tack J. Gut 2005;54:1492-1499.

(4) Laryngopharyngeal reflux: current concepts and questions. Gupta R, Sataloff RT. Curr Opin Otolaryngol Head Neck Surg. 2009 Jun;17(3):143-8. doi: 10.1097/MOO.0b013e32832b2581. Review.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)