PUBLICIDADE

Tosse seca pode ser sinal de doença estomacal: veja 4 sintomas inesperados

A doença do refluxo gastroesofágico pode causar azia e irritar o esôgago, porém sintomas comuns e inesperados tão podem indicar a condição

O refluxo pode ser um sinal de problemas sérios de saúde, esse é um termo usado para descrever uma patologia chamada de refluxo gastroesofágico, que nada mais é do que retorno do alimento do estômago para o esôfago. A doença do refluxo gastroesofágico (DRGE) é definida pela presença do refluxo associada a sintomas ou complicações.

As queixas mais comuns incluem os sintomas típicos (queimação retroesternal e regurgitação) e atípicos (sensação de impactação alimentar, tosse crônica, asma, fibrose pulmonar, pneumonia, dor torácica, laringite, otite, aftas, rouquidão, pigarro, halitose e erosão dentária). Veja abaixo 4 sintomas inesperados do refluxo:

Tosse crônica

A doença do refluxo gastroesofágico pode causar tosse seca crônica. O mecanismo responsável por isto envolve a ocorrência de microaspirações do material refluído do estômago e uma exacerbação do reflexo de tosse mediada pelo nervo vago. Habitualmente a tosse é mais frequente durante o dia, mas pode piorar ao deitar. É importante ressaltar que o ato de tossir aumenta a pressão intra-abdominal e retroalimenta o problema ao favorecer a ocorrência de novos episódios de refluxo gastroesofágico.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Dores no peito

Uma manifestação atípica da doença do refluxo gastroesofágico é a dor torácica, muito importante por fazer diagnóstico diferencial com a angina do peito. A dor pode ser em queimação ou aperto, irradiando para o pescoço, o braço ou as costas e piorando após as refeições, após estresse emocional ou atividades físicas. Pode durar desde poucos minutos até várias horas e, como tem relação com a ocorrência de refluxo gastroesofágico (que pode causar espasmos esofágicos), por vezes melhora com o uso de antiácidos.

Rouquidão

Outro sintoma da doença do refluxo gastroesofágico é a rouquidão secundária a larinte. Isto ocorre pela exposição da laringe ao ácido estomacal, pepsina (enzima gástrica que atua na digestão de proteínas) e ácidos biliares. O exame de videolaringoscopia pode evidenciar alterações (por exemplo, hiperemia e edema na região interaritenoidea ou úlcera em prega vocal que sugerem o refluxo gastroesofágico como a causa da rouquidão.

Laringoespasmo paroxístico

O laringoespasmo é causado pela presença de ácido na laringe secundário ao refluxo do conteúdo gástrico, o que determina a contração das pregas vocais e isso leva a uma dificuldade transitória de respirar, com sensação de sufocamento e dificuldade para falar. Os episódios habitualmente duram cerca de alguns segundos ou uns poucos minutos. Por vezes, o paciente pode acordar a noite durante um episódio desta manifestação muito assustado com essa sensação de estar sufocado.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Referências

(1) Anatomical diagnostic protocol in evaluating chronic cough with specific reference to gastroesophageal reflux disease. Irwin, Richard S et al. The American Journal of Medicine , Volume 108 , Issue 4 , 126 - 130

(2) Review article: supra-oesophageal manifestations of gastro-oesophageal reflux disease J. R. MALAGELADA. Aliment Pharmacol Ther 2004; 19 (Suppl. 1): 43?48.

(3) Extraoesophageal manifestations of gastro-oesophageal reflux. Poelmans J, Tack J. Gut 2005;54:1492-1499.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

(4) Laryngopharyngeal reflux: current concepts and questions. Gupta R, Sataloff RT. Curr Opin Otolaryngol Head Neck Surg. 2009 Jun;17(3):143-8. doi: 10.1097/MOO.0b013e32832b2581. Review.