PUBLICIDADE

Cientistas descobrem estrutura viral do vírus Mayaro

Revelações podem ajudar no desenvolvimento de um tratamento específico contra a doença, muitas vezes confundida com a Chikungunya

Descubra o poder de um sorriso.
Participe da newsletter

Preencha os campos* abaixo.
X

*Ao concluir, você concorda com a nossa Política de Privacidade e aceita receber novidades do Minha Vida e seus parceiros.

Cadastro efetuado com sucesso!

Pela primeira vez na América Latina, pesquisadores conseguiram analisar e explicar uma estrutura viral completa. O estudo foi realizado por cientistas do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), que analisou o funcionamento do vírus Mayaro, considerado uma espécie de "primo" da Chikungunya.

O patogênico circula pelo Brasil desde 2019, provocando sintomas como febre, dores articulares e musculares de longa duração. Além disso, já foram registrados quadros clínicos graves causados pelo vírus, como hemorragia, complicações neurológicas e morte.

A pesquisa, publicada na revista científica Nature Communications, revelou detalhes sobre a estrutura do Mayaro que podem ajudar no desenvolvimento de métodos mais eficazes de diagnóstico, assim como medicamentos e imunizantes contra a doença, que ainda não possui um tratamento específico.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

De acordo com os dados relevados, o sistema molecular do vírus é aproximadamente 100 mil vezes menor que a espessura de um fio de cabelo. O estudo também relatou que informações sobre como o patogênico se replica e desenvolve foram descobertas - fatores que podem facilitar o desenvolvimento de vacinas e remédios.

Febre do Mayaro

A febre Mayaro é uma arbovirose (como a Dengue e o Zika vírus), causada pelo vírus MAYV, que costuma ser transmitido pelo mosquito Haemagogus, comum em áreas rurais e florestais. Existe o risco de que ela possa ser transmitida pelo Aedes aegypti. O vírus é da mesma família da febre Chikungunya (os togavírus) e os dois quadros têm sintomas bastante parecidos.

Os principais sinais da febre Mayaro são:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Normalmente, os sintomas da febre Mayaro se resolvem sozinhos em até duas semanas. Entretanto, também é possível que as dores e inflamações nas articulações possam durar por mais tempo.