"Agora eu acredito: dá para emagrecer na menopausa"

Hortência, 52 anos, conseguiu emagrecer e descobriu um novo estilo de vida

POR MINHA VIDA - PUBLICADO EM 18/11/2009

Uma leva de mudanças invadiu a rotina da dona-de-casa Hortência Pereira, 52 anos. "Eu me aposentei e, com isso ganhei tempo para me exercitar: faço pilates e natação três vezes por semana. Além disso, pratico corrida e caminhada à beira mar quatro vezes por semana, além de exercícios com bola e com halteres depois da caminhada", afirma. Mas nem todo esse treino foi suficiente para afastar o ganho de peso (Descubra seu peso ideal) típico da menopausa, quando o metabolismo fica mais lento.

Além disso, as horas livres de obrigações também trazem ciladas. "Passei a viajar bastante e, nessas ocasiões, acabo comendo mais do que deveria e sem regras.Resultado: uma alimentação cheia de erros, que me custaram quilos extras na balança". Quando procurou o Dieta e Saúde, Hortência estava pesando 60 quilos. Com 1,58m, ela tinha o objetivo de chegar aos 54 quilos, o que foi conseguido em 78 dias de programa. "Minha relação com o espelho estava péssima e eu não agüentava mais ouvir críticas do meu marido. Ele vivia me mandando fechar a boca", lembra. 

Hortência antes
Hortência antes

As ferramentas do programa ajudaram a aposentada a perder peso sem ficar presa a um ou dois tipos de refeição. "Tanto na fase de emagrecimento quanto na fase de manutenção faço questão de utilizar direitinho o contador de pontos. Ele me ajuda a entender o impacto das minhas escolhas e, dessa forma, favorece pedidos mais saudáveis: eu me sinto ótima aprendendo a identificar a opção mais adequada à dieta", diz Hortência.

Ela elege o blog como uma dos seus recursos favoritos do programa alimentar. "Além de ser um espaço para dividir a minha rotina de dieta, o blog pode ser alvo de utilidade pública. Eu procurava postar matérias interessantes sobre alimentação e saúde. Conheci pessoas incríveis, com o mesmo objetivo que eu, e trocamos experiências valiosas. Mesmo que o programa acabe, pretendo continuar mantendo contato com todo mundo", diz Hortência.  

Vida nova
"A reeducação alimentar não é uma fase, mas um estilo de vida ? o estilo de vida de quem se ama", afirma Hortência, entusiasmada. Por isso, na opinião dela, a fase de manutenção é tão importante quanto a de emagrecimento. "Nesse momento, precisamos adquirir segurança para enfrentar o desafio de manter o peso ideal. A evolução semanal é uma ferramenta que ajuda muito nesta etapa da dieta: através dela, pude avaliar e entender melhor porque continuei emagrecendo depois de ter atingido a minha meta", diz a aposentada.

No meio do processo, as mudanças são tão intensas que as surpresas acabam ganhando ares de comédia."Após 40 dias com o Dieta e Saúde, precisei dormir fora de casa. Às pressas coloquei uma bermuda na bolsa. Mas, no dia seguinte, ela não parava na minha cintura, estava despencando mesmo com o zíper fechado", diverte-se.  

Descubra seu peso ideal

Sua meta de peso é saudável?

"Dei boas gargalhadas e tive que arrumar um cordão para amarrá-la na cintura. Embora já tivesse noção de que estava emagrecendo, tanto pelas roupas quanto pelos comentários dos familiares e amigos, neste momento tive a certeza de que já estava bem magra", lembra Hortência.

Todo o guarda-roupa passou por ajustes, para voltar a servir, e as compras de verão incluem peças especiais (como uma calça jeans skinny, sequinha nas pernas e de cintura bem marcada). E nem os dias de exagero tiram a motivação de quem está satisfeita com o espelho. "Raramente saio da linha. Mas, se isso acontece, apelo à poupança de pontos e sigo as recomendações do programa no dia seguinte, como se nada tivesse acontecido", afirma Hortência.


"Com o Dieta e Saúde, quebrei dois mitos: passei a acreditar que,  durante a menopausa, dá para emagrecer, mesmo comendo de tudo", afirma. "Até o meu mau humor crônico desapareceu. Este,  na opinião do meu marido, foi o benefício mais importante do meu emagrecimento". 

Hortência depois
Hortência depois

Lições de quem já chegou lá
Hortência revela os dois aprendizados que não podem ser esquecidos, mesmo na fase de manutenção

"Sempre que eu comia alguma coisa mais calórica, mesmo tendo pontos na poupança para gastar, ficava sempre angustiada, achando que tinha metido o pé na jaca. Custei a perceber que uma dieta muito restritiva não vale a pena. Mas agora aprendi: devemos comer de tudo um pouquinho. Dessa forma, na fase de manutenção, não corro o risco de me descontrolar na alimentação e acabar recuperando o quilos perdidos".

"O Dieta e Saúde me mostrou como incorporar na minha alimentação, sem culpa, alguns alimentos que, até então, eu considerava proibidos em uma dieta, como macarrão, chocolate, hambúrguer e omelete".

Hortencia Pereira
idade: 52 anos
altura: 1,58
peso inicial: em 02/06/09 = 60,3 kgs
peso meta:  em 18/08/09 = 55 kgs
peso atual: desde 23/09/09 = 54 kgs

Seu peso dos sonhos é ideal para você?

Responda a avaliação e descubra se seu peso atual e sua
meta de emagrecimento são saudáveis.

Este conteúdo ajudou você?
Sim Não