Cranberry: o fim da infecção urinária

Rico em antioxidantes, ele combate gastrite e até placa bacteriana

O que é cranberry

Cranberry - Foto Getty Images
Cranberry é rico em antioxidantes

Arbusto pequeno originário da América do Norte, o cranberry era usado por tribos indígenas como alimento, em cerimônias e como medicamento. A planta dá origem a um fruto vermelho bastante ácido atualmente usado para consumo direto ou na culinária. No Brasil, o mais comum é o consumo do suco.

Outros nomes do cranberry

Oxicoco, arando-vermelho, mirtilo-vermelho, airela.                       

Principais nutrientes do cranberry

O cranberry é rico em proantocianidina, substância apontada por estudos como sendo de 15 a 25 vezes mais potente do que a vitamina E para inibir a aderência de bactérias do tipo E.coli na mucosa da bexiga, combatendo infecções do trato urinário. A fruta ainda é composta pelas vitaminas C e E, mas tais nutrientes se tornam pouco significativos dentro de uma dieta que respeite a recomendação diária de ingestão do alimento. O cranberry ainda oferece substâncias antioxidantes, como os flavonoides e ácidos fenólicos ao organismo.


CRANBERRYSUCO DE CRANBERRY
Água (g)87,1387,13
Calorias (Kcal)4646
Proteínas (g)0,390,39
Carboidratos totais (g)12,212,2
Fibras (g)4,60,1
Açúcar (g)4,0412,1
Lipídios (g)00,13
Cálcio (mg)88
Ferro (mg)0,250,25
Magnésio (mg)66
Fósforo (mg)1313
Potássio (mg)8577
Sódio (mg)22
Zinco (mg)0,10,1
Vitamina C (mg)13,39,3
Vitamina A (µg)32
Vitamina E (mg)1,21,2
Vitamina K (µg)5,15,1

                                                    

Benefícios do cranberry

O principal destaque do cranberry é a crescente evidência de sua eficácia na prevenção de infecções do trato urinário, como a cistite. A fruta também é utilizada por pacientes com bexiga neurogênica, doença do sistema nervoso ou de nervos envolvidos no controle da micção, assim como por pessoas que sofrem de incontinência urinária com o objetivo de desodorizar a urina.

Algumas pessoas usam cranberry para aumentar o fluxo de urina, matar germes, acelerar a cicatrização da pele e baixar a febre. A ingestão da fruta ainda é comum entre portadores do diabetes tipo 2, da síndrome da fadiga crônica, do escorbuto, da pleurisia, de câncer e de doenças cardiovasculares pelo alto teor de antioxidantes nela presentes.

Estudos mostram ainda que a presença de proantocianidinas é capaz de impedir a fixação da bactéria Helicobacter pylori na mucosa estomacal, evitando, assim, gastrites e úlceras. Há evidências também de que o cranberry seja capaz de barrar a colonização de bactérias periodontopatogênicas, causadoras da placa bacteriana.

Onde encontrar o cranberry

O suco de cranberry, variedade mais consumida da fruta, pode ser encontrado em supermercados e lojas de produtos naturais.

Como consumir o cranberry

Receita de cupcake de cranberry e aveia é rica em antioxidantes

O cranberry está disponível para consumo como fruta fresca, suco, calda e fruta seca.    

Contraindicações para o consumo de cranberry

Suco de cranberry - Foto Getty Images
Suco de cranberry é o tipo mais consumido no Brasil

O consumo de cranberry é seguro para a maior parte das pessoas, desde que a ingestão não ultrapasse a quantidade diária recomendada (480 ml). Para gestantes e mulheres no período de aleitamento só não é recomendada a ingestão de suplementos de cranberry, pois não se sabe se eles são seguros para este público.

Riscos do consumo de cranberry

O cranberry contém quantidades significativas de ácido salicílico, semelhante à aspirina, portanto deve ser evitado por pessoas alérgicas ao medicamento. Vale lembrar ainda que alguns sucos de cranberry têm açúcar de adição, não sendo recomendados por portadores do diabetes.

O suco de cranberry ainda é rico em oxalato, podendo aumentar os níveis dessa substância química na urina em até 43%. Como pedras no rim são formadas principalmente pela combinação de oxalato com cálcio, a ingestão máxima recomendada do suco para pessoas com histórico da doença deve ser estabelecida por um profissional de saúde.

Efeitos-colaterais do consumo de cranberry

Descubra seu peso ideal

Sua meta de peso é saudável?

Beber muito suco pode causar dor de estômago e diarreia leve.            

Interações com o cranberry

O cranberry estende o tempo de permanência da varfarina, medicamento usado para retardar a coagulação do sangue, no organismo. Assim, o consumo por quem usa o fármaco pode aumentar o risco de hematomas e sangramento.

O cranberry diminui a velocidade com que o fígado metaboliza alguns medicamentos. Beber suco de cranberry durante um tratamento com medicação que é alterada pelo fígado, portanto, pode aumentar os efeitos esperados e os efeitos colaterais do remédio.

Quantidades recomendadas de cranberry

Especialistas usaram diferentes quantidades de suco de cranberry em suas pesquisas, mas estudos consistentes publicados no American Journal of Clinical Nutrition, em 2011, e The Journal of Nutrition, em 2010, apontaram benefícios significativos com o consumo diário de aproximadamente 480 ml da bebida.

Fontes consultadas:

United States Department of Agriculture
Nutricionista do Esporte Israel Adolfo, Especialista em Fisiologia do Exercício ? UNIFESP
Nutróloga Marcella Garcez Duarte nutróloga, diretora da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran)
Nutrólogo Roberto Navarro, membro da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran)

links patrocinados
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não