publicidade

Use o bebê no lugar dos pesinhos da musculação

Exercícios para fazer com ele no colo e driblar a falta de tempo para malhar

Por Minha Vida - atualizado em 26/04/2010


Assim que o bebê nasce, começa aquele misto de alegria e cansaço. A felicidade de curtir a criança entra em choque com a falta de tempo, principalmente dos primeiros meses da maternidade. Então, passado o período inicial de recuperação (mais longo no caso das cesáreas, inclusive), é normal começar a olhar para o espelho, se perguntando: e agora, o que faço para voltar à forma antiga?

"Quando fiquei grávida, mal podia esperar para me tornar mãe. Depois que meu filho, nasceu, eu vi como era difícil me afastar dele para ir trabalhar. Mas eu precisava ficar em forma o mais rápido possível, afinal sempre trabalhei com fitness!" , conta Lisa Druxman, autora do best-seller Lean Mommy, da editora Warner Books Inc., ainda sem tradução para o Brasil.

E foi assim que Lisa teve a idéia de criar o que se transformou no conteúdo do livro: um método que ajudasse as mães a perderem os quilos extras sem precisar se afastar dos seus filhos pequenos. A maior parte das mulheres que acabam de se tornar mães querem perder peso e eliminar as gordurinhas, mas não sabem por onde começar. Pois minha sugestão é: comece agora mesmo e leve junto seu bebê! .

O método da norte-americana pode ser feito em qualquer lugar, inclusive no parquinho onde as mães se reúnem para brincar com os filhos. A idéia é fazer sessões de uma hora. Mas você pode começar com treinos de 30 minutos e ir avançando até chegar nos 75 minutos. Animou? Então, prepare-se para puxar e empurrar o carrinho, fazer caminhadas mais vigorosas e aproveitar que os pequeninos aumentam de peso rápido para tonificar seus músculos.


1-a) Bumbum e coxas durinhos!
Precisa de:
seu bebê dentro do carrinho


1-b) Desça, no máximo, até que a coxa direita fique paralela ao solo, com o joelho direito num ângulo de 90°. Faça algumas respirações contraindo bem os glúteos e coxas e retorne à posição inicial inspirando ao subir. Troque as pernas e repita o exercício 10 vezes. Faça 3 séries.


2) Lombar forte e costas sem dores
Precisa de:
seu bebê em uma bolsa estilo canguru

3 a) Músculos peitorais e abdômen em dia Precisa de: seu bebê dentro do carrinho

Ajoelhe-se de frente para o carrinho, segurando na base com as duas mãos. Fique o mais longe possível do carrinho sem perder o contato total com as palmas das mãos, com seu tronco e quadris formando uma linha diagonal, inclinada em direção ao carrinho.

3-b) Ative bem os músculos abdominais e dobre os cotovelos, de modo a aproximar seu peito dos pés do bebê dentro do carrinho. Segure por algumas respirações e estique os braços, voltando à posição inicial. Troque as pernas e repita o exercício 10 vezes. Faça 3 séries.

mãe malha com bebe

4) Guerra à barriga!
Precisa de: seu bebê


Quando começar a malhar?
Perguntamos para a professora de Educação Física e Personal Trainer da Vital Academia, Tânia de Almeida, o que esperar e quando começar com os exercícios físicos depois de uma gravidez. Veja o que ela contou:



1. Depois que o bebê nasce, quanto tempo preciso esperar para malhar? 
Isso varia. Quem faz parto normal demora, em média, 30 dias. Uma cesariana exige, pelo menos, 2 meses. Mas a rotina anterior ao parto também interfere nesse calendário. Se a grávida não fazia exercícios, deve esperar um tempo maior de recuperação, pois os músculos e o corpo não estão acostumados.

2. Que tipos de exercícios você recomenda? 
Os aeróbicos, principalmente. O ideal é caminhar ou correr em marcha lenta, nada de exageros. Faça esse tipo de exercício, todos os dias, meia hora. E complemente com uma musculação leve duas vezes por semana, para fortalecer os músculos.

3. Em quanto tempo os resultados aparecem?
A partir do segundo mês já dá para sentir a diferença. Uma rotina de exercícios combinada à amamentação é a melhor receita para emagrecer, principalmente se você já fazia algum exercício antes da gravidez.

Lipoaspiração: vale a pena pensar nisso?
Quer optar por uma lipo? Médicos indicam que depois de seis meses o abdômen já viveu seu período de retração e todo o inchaço uterino já foi embora. Entretanto, o pós-parto completo (fase em que o organismo da mulher reorganiza seu relógio hormonal) leva o tempo de uma gestação: nove meses. Ou seja, é preciso respeitar esse tempo para começar a pensar em enfrentar uma lipoaspiração


Este conteúdo ajudou você? Já ajudou você e + 1254 pessoa(s) Já avaliou

Imprima

Erro

erro

Comente

Compartilhe

Shopping Vida Saudável

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

siga o minha vida e melhore sua qualidade de vida

Saiba mais

Copyright 2006/2014 Minha Vida - Todos os direitos reservados

"As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas."


Você está usando uma versão antiga do seu navegador :( Para obter uma melhor experiência, atualize agora!
X