publicidade

Combata o stress para reduzir o colesterol

Entenda por que a ansiedade favorece a formação de placas de gordura

Por Minha Vida - publicado em 21/05/2009


No final do domingo, você já calcula como será semana: reuniões, almoços apertados e uma série de compromissos tiram o sossego do restinho do seu final de semana. Em casa, as coisas não são mais simples: filhos e as tarefas do dia-a-dia acumulam-se, tirando a calma e aumentando o stress. Enquanto isso, seu coração sofre em silencio.

Apesar de não trazer sintomas, o colesterol alto é um dos efeitos do excesso de stress. "A ansiedade aumenta a liberação de cortisol no organismo, hormonio que faz crescer a concentração de glicose no sangue, desencadeando problemas como diabetes, altos níveis de triglicérides e descontrole de colesterol", afirma o psicoterapeuta Geraldo Possendoro, especialista em Stress e Ansiedade pela Unifesp.

Mas a confusão não termina aí. Cada vez que você fica ansioso, a quantidade de radicais livres que passam a circular no seu organismo aumenta. "Os radicais são produzidos por nossas células durante o processo de combustão do oxigênio, utilizado para converter os nutrientes dos alimentos em energia", afirma o psicoterapeuta. "Com a ansiedade, a presença dos radicais no organismo aumenta, podendo gerar o agravamento de problemas cardíacos. Isso porque eles interagem com o colesterol em excesso no organismo, formando placas nas paredes dos vasos sanguíneos, além de piorar certas doenças inflamatórias e causar envelhecimento". Pessoas mais estressadas tendem a respirar de forma mais ansiosa e desordenada, favorecendo a formação de placas, portanto.

Atividades físicas
Para combater o stress, os especialistas recomendam os exercícios físicos, como os esportes aeróbicos. Outra saída eficiente para relaxar esta ansiedade, melhorar a respiração e aprimorar a qualidade de vida é a prática de ioga. "É uma boa alternativa, porque trabalhos desde a respiração até uma filosofia de vida diferente nas aulas", afirma o instrutor da Uni-Yôga, Fernando Almeida. "Mais do que fazer as pessoas controlar a ansiedade, trabalhamos a expansão de consciência, ajudando os alunos a repensarem seus valores e não dedicarem energia demais a projetos que não trazem satisfação", diz Fernando.



Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.
Este conteúdo ajudou você? Já ajudou você e + 1254 pessoa(s) Já avaliou

Imprima

Erro

erro

Comente

Compartilhe

Mais sobre:

Shopping Vida Saudável

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Copyright 2006/2014 Minha Vida - Todos os direitos reservados

"As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas."


Você está usando uma versão antiga do seu navegador :( Para obter uma melhor experiência, atualize agora!
X