Pé diabético: pessoas com diabetes devem ter cuidados especiais

SÉRIE DIABETES

POR ADRIANE ZIMERER - ATUALIZADO EM 13/11/2012

Perda de sensibilidade no pés é irreversível, mas quadro pode ser estabilizado

8 de 13

 Pé diabético: pessoas com diabetes devem ter cuidados especiais

Quem tem diabetes sabe que deve tomar cuidados especiais com a saúde. Um deles é proteger os pés de fatores que podem levá-los até a amputação. Por isso, hoje vamos falar sobre o pé diabético e mostrar como evitar esse problema.

Calos, micose, frieira e pequenos ferimentos nos pés. Problemas comuns que podem acometer qualquer pessoa. Mas quando isso acontece com alguém que tem diabetes é sinal de alerta.

Os sintomas do pé diabético são: queimação, dormência, cãimbras, atrofia da musculatura, deformidades, ressecamento da pele e perda gradual de sensibilidade dos pés. Aos perceber os sinais, eles devem ser investigados por um médico o quanto antes.

Com a sensibilidade alterada, os pés ficam vulneráveis a traumas, dificultando sentir o incômodo da pressão repetitiva de um sapato apertado e até da ponta da tesoura durante o ato de cortar as unhas. Por isso, é importante evitar todo e qualquer dano aos pés.

E os cuidados são simples. Quando fizer a higiene do local com água morna, é necessário secar bem. Um ambiente úmido favorece a proliferação de fungos, causando inclusive mau cheiro no local. As unhas devem ser cortadas semanalmente. O calçado deve ser confortável e adequado de tamanho. Aqueles com bico fino são contraindicados.

Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não