PUBLICIDADE

Fimose x balanopostite: quais as diferenças?

Enquanto a fimose é a dificuldade de expor a glande, balanopostite é a inflamação da região da ponta do pênis

Não existe excesso de pele no pênis. Na verdade, o prepúcio, a pele que recobre a cabeça do pênis, precisa ser redundante para permitir a variação de tamanho do pênis. Fimose é o termo que significa impossibilidade ou dificuldade para exposição da glande (cabeça do pênis) decorrente de um anel fibrótico no prepúcio. Ou seja, quem consegue expor sem dificuldades a glande, não tem fimose.

Balanopostite ou balanite, por sua vez, significa que a região da ponta do pênis está inflamada. Geralmente isso acontece como uma tentativa do organismo de combater o excesso de germes na região. Nesse caso, o aspecto da pele muda e fica mais vermelha, mais sensível, descamando e com rachaduras que provocam ardência no banho.

A causa mais comum de balanopostite é o excesso de fungos. Os fungos são habitantes normais dessa região, todavia quando se multiplicam em excesso podem causar a irritação no local. Os fungos são germes oportunistas, então situações em que as defesas do organismo ficam enfraquecidas são aproveitadas para multiplicarem: taxas de açúcar alto, estresse, gripe, doenças crônicas, excesso de umidade, higiene precária....

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

No caso da fimose, basicamente existem duas situações:

A retirada do excesso de pele não é obrigatória quando o homem está com alguma das condições.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

As indicações formais de retirar o anel fibrótico na criança seriam nos seguintes casos:

No adulto, cabe ao médico avaliar a qualidade da pele e decidir se ela pode ser recuperada com medicação ou se é necessária a cirurgia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)