PUBLICIDADE

Piscina é aliada de quem tem pressa em perder peso

A natação é alternativa poderosa para quem busca entrar em forma e perder calorias

É cada vez maior a escolha da natação por pessoas interessadas em perder peso, sejam elas indivíduos um pouco acima do peso, obesas, ou ainda atletas que buscam atingir um melhor rendimento no esporte. São vários os benefícios de quem opta pela modalidade, principalmente quando se está fora de forma. Dois desses benefícios são o baixo impacto nas articulações e a melhora do processo cardiorrespiratório. De olho nesse mercado, que não envolve só estética, mas também saúde, treinadores e academias desenvolvem programas para atender e dinamizar a busca pela boa forma física, uma saída muito mais inteligente do que as dietas milagrosas que surgem em cada estação do ano.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Não existem milagres quando o objetivo é perder peso. A regra é clara: para emagrecer, o consumo de calorias tem de ser inferior ao que o organismo gasta. Na luta para equilibrar essa balança, as pessoas recorrem ao esporte. Mas sempre é difícil e, muitas vezes doloroso, optar por esportes de maior impacto, como corrida e artes marciais. Existe uma chance muito grande de a pessoa não resistir às dores iniciais. Na natação, ao contrário, a pessoa consegue suportar mais o desgaste e vê resultados rápidos, queimando mais calorias do que outros exercícios de baixo impacto, como a caminhada , disse a fisiologista Valéria Scornaienchi.

Natação - foto: Getty Images
Natação - foto: Getty Images

Para haver uma queima de gordura eficiente em qualquer atividade física, é importante que esta seja praticada com regularidade. As intervenções mais severas nem sempre são as mais eficientes em médio prazo, é o famoso efeito sanfona. O recomendado é que a pessoa perca o peso gradualmente , afirmou Scornaienchi. É importante que a pessoa sinta prazer em nadar, e não que aquilo seja um sacrifício momentâneo. Para o American College of Sports, uma pessoa saudável é a que gasta entre 1.000 e 1.500 kcal por semana com a prática esportiva. O exercício pode consumir entre 300 e 500 kcal por dia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Na luta contra a balança, o esporte é apenas uma das armas. De nada adianta se matar na academia e manter os mesmos hábitos alimentares. A soma desses dois fatores é preponderante para um resultado eficaz e duradouro. É importante que a pessoa não sinta fome. Alguns estudos mostram que ter um número constante de refeições diárias, sem modificações bruscas, também torna o organismo mais apto a oxidar gorduras e gastar energia adequadamente. Existe a constatação de que, ao pularmos refeições ou não mantermos os horários fixos delas, o organismo se adapta no sentido de economizar energia , falou Sandra Maria Lima Ribeiro, nutricionista esportiva. (Qual seu peso ideal? Clique aqui e confira)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

ESTRATÉGIAS DE NADO

Para o preparador físico Rodrigo Taddei, da Limiar Assessoria, algumas estratégias são capazes de aumentar a queima de gordura com a natação:

- Aumentar a intensidade. Ex.: treino intervalado com intensidade mais alta (no limite máximo do limiar aeróbico).

- Variar os treinos. Assim, o organismo não se acostuma ou acomoda, com isso, o gasto calórico sempre será mais elevado.

- Utilizar equipamentos que aumentam o trabalho muscular, gerando um crescimento do gasto calórico, como os palmares e nadadeiras.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Segundo Taddei, esses métodos combinados podem fazer com que haja um aumento de 37% na queima de gordura, se comparados a um treino contínuo, de intensidade moderada e sem variação. Juntando essas dicas a um treino regular, certamente haverá um aumento no gasto calórico e, conseqüentemente, maior queima de gordura , falou Taddei.

Treino poderoso

Com base nas pesquisas para dinamizar o gasto calórico durante o treino de natação, o preparador físico Rodrigo Taddei montou um treino exemplificado, que pode ser praticado três vezes por semana, com uma duração média de uma hora. Um treino normal, de uma pessoa de 70 kg, pode gerar um gasto calórico médio de 600 kcal /h. O nado borboleta é o que promove maior gasto calórico, uma média de 770 kcal /h. Enquanto os nados costas, peito e de crawl se equivalem mais, ficando entre 560 a 630 kcal/h. O modelo abaixo, segundo Taddei, pode aumentar esses números em até 37 %.

Treino 1

600 metros Crawl

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

200 metros de perna 10 vezes 50 metros Crawl forte com 30 segundos de intervalo entre as séries

600 metros de braço com respiração 3x1

200 metros solto (vários estilos)

Treino 2

4 vezes 150 metros Crawl e 50 metros de perna

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

4 vezes 100 metros Medley

4 vezes 200 metros braço forte com 45 segundos de intervalo (alternar com e sem palmar)

300 metros Crawl solto

Treino 3

500 metros Crawl

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

4 vezes 100 metros Crawl forte com 30 segundos de intervalo

400 metros de braço 4 vezes

100 metros de Crawl forte com 30 segundos de intervalo

400 metros de braço com palmar

100 metros solto

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)