PUBLICIDADE

Transamin: para que serve, composição, como tomar?

Princípios ativos: ácido tranexâmico

ESTE TEXTO FOI EXTRAÍDO MANUALMENTE. CONSULTE SEMPRE A BULA ORIGINAL

Posologia, dosagem e instruções de uso de Transamin

Modo de Uso: Os comprimidos de Transamin® devem ser ingeridos com um pouco de água ou qualquer outro líquido, na dose e horários receitados pelo seu médico. 

Posologia: A dose de Transamin® deve ser ajustada individualmente por pessoa. As doses aqui recomendadas servem como uma orientação inicial, mas poderão ser modificadas pelo seu médico, de acordo com a sua necessidade. 

Adultos: 

Sangramento localizado: O tratamento pode ser iniciado com Transamin® injetável. Entretanto, se o tratamento continuar por mais de 3 dias ou em casos de menor gravidade, recomenda-se o uso da apresentação oral, na dose de 15 a 25 mg/kg, isto é, 2 a 3 comprimidos, duas a três vezes ao dia, a critério médico. 

Crianças: 

De acordo com o peso corporal: 10 mg/kg/dose, duas a três vezes ao dia, a critério médico. 

Insuficiência Renal: 

Em pessoas com insuficiência renal, para evitar o risco de acúmulo, a dose deve ser corrigida de acordo com a seguinte tabela: 

creatinina sérica: 120 a 150 micromol/L

dose oral: 25 mg/kg 

frequência 2 vezes ao dia

creatinina sérica: 250 a 500 micromol/L

dose oral: 25 mg/kg

frequência 1 vez ao dia

creatinina sérica: > 500 micromol/L

dose oral: 12,5 mg/kg

frequência 1 vez ao dia

Algumas Indicações e Doses Recomendadas para Adultos: 

Cirurgia de próstata – Em pessoas com maior risco para sangramentos, a prevenção e o tratamento da hemorragia devem começar antes da cirurgia, com Transamin® injetável, seguido de 2 comprimidos, três a quatro vezes ao dia, até que o sangramento urinário desapareça. 

Sangramento menstrual excessivo – 2 a 3 comprimidos, três a quatro vezes ao dia, por período de três a quatro dias. O tratamento com Transamin® deve ser iniciado logo após o início do sangramento intenso. Nos casos em que o aumento do fluxo menstrual já é previsto, deve-se iniciar o tratamento no 1º dia da menstruação. Se o fluxo for reduzido a um nível aceitável, sem efeitos colaterais, o tratamento pode ser repetido indefinidamente. Caso não se obtenha redução do sangramento, seu uso não deve continuar por mais do que três ciclos menstruais. 

Sangramento nasal – 2 comprimidos, três vezes ao dia, durante 7 dias. 

Hemofilia – No preparo de extrações dentárias, 2 a 3 comprimidos, a cada 8 horas. 

Angioedema Hereditário – 2 a 3 comprimidos, duas a três vezes ao dia, até ser observado o desaparecimento da crise. Entretanto, algumas pessoas podem necessitar de tratamento contínuo, com esta dose. 

De modo geral e em todos os casos, a dose máxima diária recomendada é de 12 comprimidos por dia. 

Entretanto, em algumas situações especiais e sob supervisão médica, esta pode ser aumentada até 18 comprimidos por dia.

“Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.”

“Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.”

Mais de: Transamin