PUBLICIDADE

5 dicas das leitoras do Minha Vida para combater a TPM

Pesquisa do portal revela que 9 em cada 10 sentem os efeitos da tensão pré-menstrual

No período pré-menstrual é comum as mulheres sentirem algumas mudanças no seu corpo, como alteração de humor, cólica, inchaço, aumento de apetite, entre outros fatores. Para entender melhor como cada uma lida com esse momento, nós do Portal Minha Vida, fizemos, na semana da mulher, uma pesquisa sobre o assunto. E perguntamos para várias de nossas leitoras o que elas sentem e o que fazem para contornar a tensão pré-menstrual. Os resultados foram surpreendentes, confira!

Lidando com a TPM

De acordo com nossas leitoras, 9 em cada 10 sentem os efeitos da famosa TPM. Irritabilidade (67,3%), alterações de humor (64,4%) e inchaço abdominal (60,6%) são os sintomas mais frequentes entre elas. Veja a lista completa abaixo:

Efeitos TPM

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Infogram

Além disso, a grande maioria (78,3%) afirmou sentir esses sintomas todos os meses, uma vez que possui o ciclo menstrual regular. O restante, cerca de 1 em cada 5 (21,7%), não menstrua todos os meses ou já deixou de menstruar, fazendo com que não sintam os sintomas da TPM regularmente.

Mas o que é exatamente a TPM?

A Síndrome Pré-Menstrual (SPM), mais conhecida como Tensão Pré-Menstrual (TPM), pode ser definida como o conjunto de efeitos que a alteração hormonal do ciclo menstrual provocam sobre o organismo feminino. Inchaço, dores de cabeça, cólicas abdominais e irritabilidade são apenas alguns exemplos desses efeitos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

"A alteração hormonal, quando muito brusca, pode causar uma série de sintomas, como ansiedade, alterações do humor, dores nos seios e outros tantos conhecidos das mulheres", explica a endocrinologista Andressa Heimbecher, da Sociedade Brasileira de Endocrinologia. Há diversos tipos de TPM, em que os efeitos são categorizados de acordo com a intensidade em que ocorrem.

5 dicas das nossas leitoras para combater os sintomas da TPM

Medicação: uma das respostas mais frequentes foi o uso de medicamentos para atenuar os efeitos da TPM. Remédios para cólicas (42%) e para dor de cabeça (40,2%) são os mais utilizados por nossas leitoras. No entanto, é importante usar os medicamentos de forma consciente e com acompanhamento médico, para evitar efeitos adversos à saúde.

Guloseimas: o segundo hábito mais comum entre nossas leitoras é apelar para doces, sobremesas e guloseimas (31,4%) para combater alguns efeitos da TPM. Sobretudo, a ansiedade. Os doces aliviam um pouco a sensação de constante ansiedade, uma vez que o açúcar estimula as áreas de prazer do cérebro, causando um bem-estar momentâneo. Entretanto, é importante lembrar que o consumo de açúcar em excesso pode ser muito prejudicial à saúde. Por isso, não abuse das guloseimas ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Produtos para pele: em terceiro lugar, 16% das entrevistadas utilizam produtos para controlar a oleosidade ou para combate acnes que podem surgir com a TPM. Essas alterações na pele são resultado das mudanças hormonais naturais do ciclo menstrual e, normalmente, têm duração momentânea. Por isso, os produtos de aplicação cutânea são bons aliados para atenuar esses efeitos.

Chás calmantes e para dor: as cólicas menstruais, a irritabilidade e a ansiedade podem ser suavizadas com a ingestão de chás relaxantes e para combater as dores. É exatamente isso que 15,7% das leitoras fazem para ajudar a conter as sensações desagradáveis da TPM, abusam dos chás para relaxar e aliviar as dores.

Compressa quente: por fim, mas não menos importante, 14% recorrem a bolsas de água quente para aliviar as dores das cólicas menstruais. O calor da compressa quente dilata os vasos sanguíneos na região abdominal. "Isso leva embora de forma mais rápida as substâncias que causam contrações e que ficam concentradas no local da dor", aponta a ginecologista Karina Zulli. Além disso, o calor da compressa também desvia a atenção do nosso corpo para outro estímulo, o que reduz a sensibilidade à dor.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Sobre a pesquisa

Os dados apresentados acima são referentes à pesquisa "Ciclos Menstruais", feita pelo Minha Vida em dezembro de 2017 com os leitores do portal. A base de análise é de 1.060 respostas válidas, composta apenas por mulheres, de todas as idades. Para saber mais, entre em contato pelo e-mail: pesquisa@minhavida.com.br