PUBLICIDADE

Ganho de peso é pouco relevante ao parar de fumar

O aumento do IMC costuma ser pequeno e maior entre mais velhos

É bastante difundida a ideia de que parar de fumar inevitavelmente leva ao ganho de peso, o que acaba sendo um incentivo ao não abandono do tabagismo. Entretanto, um novo estudo liderado por pesquisadores da University of Tennesse, nos Estados Unidos, e publicado no periódico Health Service Research mostrou que tal crença pode não passar de um simples mito.

A descoberta surgiu a partir da avaliação de dados de 349 mil fumantes e ex-fumantes de 2004 a 2005 e de 2009 a 2010, fornecidos pela Behavioral Risk Factor Surveillance Survey. Todos responderam a um questionário sobre comportamento, tabagismo, saúde e Índice de Massa Corpórea (IMC).

Os autores concluíram que homens e mulheres jovens tiveram um aumento de 2,3% no IMC no período de um mês após o abandono do tabagismo e de 5,2% após três e seis meses. Entre homens e mulheres de mais idade, entretanto, o ganho de peso foi um pouco maior. O valor mais alto foi alcançado pelas mulheres, que aumentaram em 8% o IMC, aproximadamente seis quilos, dez anos após parar de fumar.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Para os autores, o estudo tem por objetivo encorajar o abandono do cigarro, principalmente, por jovens. Eles apontam ainda que, entre pessoas com obesidade ou sobrepeso, o aumento do IMC decorrente de parar de fumar foi semelhante ao de pessoas com peso considerado ideal.

Quatro dicas implacáveis para você parar de fumar

O início vem como brincadeira. Um cigarro aqui, outro ali após o jantar e, quando percebe, você já perdeu o controle. A vontade de parar, por outro lado, é muito séria e exige esforço além de vontade firme para resistir à ansiedade que bate em alguns momentos do dia.

Segundo a psicóloga Maria Teresa Cruz Lourenço, coordenadora do grupo de apoio ao tabagista do Hospital do Câncer, a nicotina cria dependência química e também dependência psicológica, já que se torna uma válvula de escape para a ansiedade. "Segurar o cigarro entre os dedos, levá-lo à boca e até combiná-lo com uma xícara de café se tornam parte do dia a dia, abandonar esses trejeitos pode ser bem difícil", afirma. Ela e outros especialistas sugerem sete truques para enganar a vontade de fumar na fase em que ainda é difícil abandonar as tragadas.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

1. Evite locais com muitos fumantes

Da mesma forma que uma pessoa em dieta deve evitar um restaurante com pratos principais muito calóricos, quem deseja largar o cigarro precisa se afastar de lugares com muitos fumantes. "Ficar próximo à tentação nos primeiros dias sem cigarro pode ser muito difícil", afirma a psicóloga Laura de Hollanda Batitucci Campos, das Clínicas Oncológicas Integradas (COI). Ela sugere ainda evitar consumir bebidas alcoólicas, já que beber está intimamente ligado ao hábito de fumar. "Com o tempo fica mais fácil conviver com outros fumantes", diz.

2. Quebre a rotina

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Para grande parte dos tabagistas, fumar é parte de uma rotina. Alguns fumam logo ao acordar enquanto tomam uma xícara de café. Outros, infalivelmente, depois do almoço. Por isso, para enganar a vontade de fumar, é fundamental quebrar esses hábitos. "Mude o local da refeição, varie os pratos e as horas das suas atividades", aconselha Maria Teresa.

3. Concentre-se em outra atividade

"Nos primeiros dias longe do cigarro, o ex-fumante tem picos de vontade extremamente perigosos, mas que duram apenas alguns minutos", afirma Laura. Nesses momentos, a melhor saída é se distrair com alguma atividade que exija concentração e que, de preferência, mantenha boca e mãos ocupadas. Quando sentir que está passando por um desses picos, levante e vá escovar os dentes, beba um copo de água ou mastigue alguma coisa. "Só não coma alimentos muito calóricos para não engordar e, mais tarde, alegar que o ganho de peso é resultado do abandono do cigarro".

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

4. Busque apoio da família e de amigos

Tentar envolver amigos e familiares na luta contra o tabagismo pode tornar a tarefa de abandonar o cigarro muito mais fácil. "Com mais aliados nessa luta, todos ficam mais motivados e não há a tentação de conviver tão de perto com alguém que fuma e não tem objetivo de parar", afirma Laura.