PUBLICIDADE

Estudo comprova eficácia de medicamento para HIV oferecido no SUS

Pesquisa brasileira avaliou pacientes que tratam o HIV com o medicamento dolutegravir

Um estudo brasileiro analisou pacientes em início de terapia antirretroviral para comprovar a eficácia do medicamento dolutegravir (DTG) no tratamento do HIV em comparação com outros antirretrovirais. A pesquisa foi apresentada na última terça-feira (24) na 22ª Conferência Internacional de Aids, em Amsterdã (Holanda).

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Para análise foram verificados 103.240 pacientes, acima de 15 anos, e que iniciaram o tratamento entre janeiro de 2014 e junho de 2017. Os sistemas de informações em saúde do SUS forneceram os dados.

Os resultados do estudo mostram que o esquema de tratamento com DTG, associado ao tenofovir e lamivudina, foi 42% mais eficaz na supressão da carga viral do HIV, em um período de seis meses, quando comparado com a combinação dos antirretrovirais efavirenz, tenofovir e lamivudina, que era o esquema de primeira linha recomendado anteriormente ao dolutegravir. A comparação com outros medicamentos, como o dolutegravir + tenofovir e lamivudina, foi 51% a 162% mais efetivo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

"Os resultados que encontramos apoiam a decisão do Brasil de mudar seus protocolos de tratamento clínico, recomendando o dolutegravir como esquema preferencial para terapia antirretroviral de primeira linha, em substituição aos esquemas com efavirenz", disse Mariana Veloso, uma das pesquisadoras envolvidas no estudo.

No Brasil, cerca de 76.713 pessoas utilizam o DTG como primeira linha, sendo que outros 45.645 mudaram para o DTG. Os dois números somados, totalizam mais de 122 mil brasileiros vivendo com HIV utilizando o dolutegravir em seus esquemas de tratamento antirretroviral. Esse número representa 19% do total de 572 mil brasileiros recebendo tratamento antirretroviral de forma gratuita por meio do SUS. Além disso, vale lembrar também que 87% das pessoas que iniciaram o tratamento em 2018 começaram com DTG.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O que é HIV?

HIV é a sigla em inglês do vírus da imunodeficiência humana (human immunodeficiency virus), que é o causador da aids. O HIV é uma infecção sexualmente transmissível (DST), que também pode ser contraída pelo contato com o sangue infectado e de forma vertical, ou seja, a mulher que é portadora do vírus HIV o transmite para o filho durante a gravidez. Veja 9 mitos sobre quem vive com o vírus do HIV, clicando aqui!