PUBLICIDADE

Laparoscopia: o que é, tipos, como é feita e preço

A cirurgia de videolaparoscopia pode ser indicada para diferentes propósitos; veja como funciona o processo

O que é laparoscopia

A laparoscopia, ou videolaparoscopia (VLSC), é um procedimento cirúrgico feito na região do abdômen para diagnóstico de doenças, biópsias ou até mesmo retirada de cistos. O principal diferencial desse método são os pequenos cortes realizados na hora da cirurgia.

"O acesso à barriga é feito por pequenos cortes na pele (0,5 a 1 cm). Através deles, os instrumentos cirúrgicos adentram a região e são manipuladas do lado de fora do corpo. A câmera vai via umbigo, o que permite enxergar o que se faz dentro do abdômen", conta Vamberto Maia Filho, médico ginecologista e obstetra.

As possibilidades do método são vastas, se dividindo, principalmente, em duas funcionalidades essenciais: laparoscopia diagnóstica e laparoscopia terapêutica. Pedro Pinheiro Neto, cirurgião geral do Hospital do Câncer Anchieta, explica a diferença entre esses dois procedimentos:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Laparoscopia diagnóstica: é feita quando o paciente precisa ser submetido a uma cirurgia, mas a causa da condição apresentada ainda não foi esclarecida - mesmo quando o cirurgião já tenha colhido a história, realizado o exame físico, exames laboratoriais e radiológicos antes da cirurgia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Laparoscopia terapêutica: é usada quando já se tem o diagnóstico prévio de uma doença, como apendicite e pedra na vesícula, sendo necessário a realização apenas do tratamento cirúrgico.

Laparoscopia ginecológica

Na área ginecológica, a laparoscopia também possui diferentes finalidades. Vamberto revela algumas condições que pedem por esse procedimento:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

"Além disso, há possibilidade de tratar problemas intra uterinos que antes só poderiam ser acessíveis com a abertura da cavidade e do útero", conta o ginecologista. Entre eles estão:

Como é feita a laparoscopia

Foto: shutterstock/rumruay
Foto: shutterstock/rumruay

Para a realização desse procedimento, é necessário que o paciente esteja sob anestesia geral e respirando através de aparelhos. Pedro explica, de modo geral, o passo a passo do que ocorre durante a laparoscopia:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Preparação para a cirurgia

A preparação para a laparoscopia ocorre de acordo com o propósito da cirurgia, com a análise do quadro de saúde do paciente, conferindo principalmente se sua função pulmonar ou cardíaca tem complicações. Todos os pacientes são avaliados por um anestesista antes da realização de cirurgias.

De acordo com Pedro, também é necessário jejum de 8 horas para alimentos sólidos e 4 horas para líquidos claros. As demais preparações são de acordo com o procedimento a ser realizado. "É importante cessar o tabagismo, pois ajuda a prevenir complicações", explica o cirurgião.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Duração da cirurgia

O tempo de cirurgia também é variável, podendo ser mais rápida ou demorada de acordo com as condições do paciente. No geral, o tempo de duração de uma laparoscopia varia entre 30 minutos e 10 horas.

Contraindicações

Vamberto Maia Filho conta que é necessário analisar algumas características do paciente que podem aumentar as chances de risco do procedimento, como:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

"Existem complicações inerentes à anestesia, contudo são bastante raras e diminuídas quando há visita prévia ao anestesista", conta o especialista.

Laparoscopia: preço

O valor do procedimento varia de acordo com o hospital e características do paciente. Em geral, essa cirurgia pode custar entre 10 e 60 mil reais.

Fontes

Pedro Pinheiro Neto, cirurgião geral do Hospital do Câncer Anchieta, CRM DF 19056

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Vamberto Maia Filho, médico ginecologista e obstetra da Clínica Mãe, CRM SP 118297

Ana Luísa Vilela, médica nutróloga, CRM SP 125207