PUBLICIDADE

Acne: sintomas, tratamentos e causas

Últimas Notícias

Visão Geral

O que é Acne?

Acne é uma condição da pele que ocorre quando os folículos pilosos da peleficam obstruídos por sebo e células mortas, ficando colonizados por bactérias que geram inflamação. Acne mais comumente aparece no rosto, pescoço, peito, costas e ombros.

PUBLICIDADE

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Dependendo da gravidade, a acne pode causar sofrimento emocional e levar a cicatrizes na pele. A boa notícia é que existem tratamentos eficazes disponíveis – e quanto mais cedo é iniciado, menor é o risco de cicatrizes.

Tipos

Os diferentes tipos de acne incluem:

Acne do recém-nascido

Cerca de 20% dos recém-nascidos desenvolvem acne leve. Isso pode acontecer porque certos hormônios são passados para eles através da placenta por suas mães pouco antes do nascimento. Outra causa de acne em bebês é o estresse do parto, que pode fazer o corpo do bebê liberar hormônios. Recém-nascidos com acne geralmente tem lesões que desaparecem espontaneamente.

Acne infantil

Bebês entre três e 16 meses de idade podem desenvolver acne infantil. Eles podem ter cravos e espinhas. Acne infantil geralmente desaparece quando a criança chega aos dois anos de idade. As espinhas raramente deixam cicatrizes. Acne infantil pode ser causada, em parte, pelos níveis hormonais mais elevados do que o normal.

Acne vulgar

O tipo mais comum de acne é acne vulgar. Ela aparece com mais frequência em adolescentes e adultos jovens.

Acne cística

Acne conglobata é uma forma rara, mais grave, de acne. Ela ocorre principalmente em homens jovens. Na acne conglobata, espinhas grandes se desenvolvem no rosto, peito, costas, braços e coxas. Este tipo de acne pode ser difícil de tratar e muitas vezes deixa cicatrizes.

Acne fulminante

Acne fulminante é uma forma grave de acne conglobata, que ocorre mais em meninos adolescentes. Na acne fulminante, um grande número de espinhas se desenvolve muito rapidamente nas costas e no peito. Essas espinhas muitas vezes deixam cicatrizes graves. Pacientes com acne fulminante muitas vezes sofrem com febre e dor muscular e óssea.

Causas

Existem diferentes tipos de acne. A acne mais comum é o tipo que se desenvolve durante a adolescência. A puberdade faz com que os níveis hormonais fiquem elevados, especialmente a testosterona. Esses hormônios estimulam as glândulas da pele, que começam a produzir mais óleo (sebo).

As crianças e os adultos mais velhos também podem ter acne.

Superprodução de sebo na pele e concentração de células mortas nos folículos pilosos da pele estão entre as causas de acne. Esses fatores resultam em obstrução, com acúmulo de bactérias e inflamação.

Os folículos pilosos estão ligados a glândulas sebáceas, que secretam uma substância oleosa, conhecida como sebo, para lubrificar o seu cabelo e pele. Quando o corpo produz uma quantidade excessiva de sebo e células mortas da pele, os dois podem se acumular nos folículos pilosos, criando um ambiente onde as bactérias podem prosperar.

Esse cenário pode fazer com que o folículo se torne inchado e inflamado, acumulando pus, formando a espinha. Também pode acontecer de o folículo se abrir e escurecer, gerando um cravo, ou comedão.

Fatores que podem piorar acne

Mitos da acne

Ao contrário do que algumas pessoas pensam, esses fatores têm pouco efeito sobre a acne:

Fatores de risco

Alterações hormonais no corpo podem provocar ou agravar a acne. Tais alterações são comuns:

A acne pode ser irritada ou agravada por:

Sintomas de Acne

Acne se desenvolve mais frequentemente na face, pescoço, peito, ombros, ou costas e pode variar de leve a grave. Pode durar alguns meses, muitos anos, ou ir e vir durante toda a vida.

Geralmente, a acne provoca apenas espinhas e cravos. Às vezes, pode evoluir para cistos e nódulos. As lesões císticas são espinhas que são grandes e profundas, muitas vezes dolorosas e que podem deixar cicatrizes na pele.

A acne pode levar à baixa autoestima e, por vezes, á depressão. Essas condições necessitam de tratamento, juntamente com o da acne em si.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Últimas perguntas sobre Acne

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

A acne geralmente não é uma condição médica séria. Mas você pode querer procurar um dermatologista para tratar espinhas persistentes ou cistos inflamados, a fim de evitar cicatrizes ou outros danos à pele.

Se a acne e as cicatrizes estão afetando seus relacionamentos sociais ou autoestima, você também pode querer perguntar a um dermatologista sobre o tratamento das cicatrizes existentes.

Marque uma consulta médica se:

Você pode querer procurar ajuda médica mais cedo se houver um forte histórico familiar de acne, está emocionalmente afetado pela acne ou desenvolveu acne em uma idade precoce.

Na consulta médica

Especialista que pode diagnosticar e tratar acne é:

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para acne, algumas perguntas básicas incluem:

Diagnóstico de Acne

O médico fará um exame físico e irá perguntar sobre seu histórico médico. Na maioria das vezes, não serão feitos testes especiais para acne. Pode ser que o médico peça outros exames, se suspeitar que a acne é um sintoma de outro problema médico.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Acne

O tratamento da acne foca em reduzir a produção de óleo na pele, acelerar a renovação celular, combater à infecção bacteriana e reduzir a inflamação. Em alguns casos, a pele pode piorar antes de ficar melhor.

É importante o tratar a acne não apenas por razões estética, mas também para preservar a saúde da pele. Também é importante dizer que o tratamento ajuda a prevenir o aparecimento de cicatrizes de acne.

Existem diferentes tipos de tratamento para a acne, variando entre terapia local, medicação oral, ou combinação das duas. Na hora de decidir o tipo de tratamento é levado em consideração a gravidade, localização e o tipo de metabolismo do indivíduo. Além disso, o dermatologista também precisa verificar outros aspectos, como se há cravos, espinhas, nódulos e cicatrizes na pele.

Geralmente em casos mais simples o tratamento é apenas local, fazendo-se uso de medicamentos como ácido salicílico, peróxido de benzoila e ácido azelaico.

O dermatologista pode recomendar um medicamento tópico - para aplicar na pele - ou medicações via oral, como Azitromicina e Roacutan. Medicamentos orais para acne não devem ser usado durante a gravidez, especialmente durante o primeiro trimestre.

O tratamento da acne inclui:

Tratamento da cicatriz da acne

É possível usar certos procedimentos para diminuir as cicatrizes deixadas pela acne. Veja:

Tratamento natural para a acne

Existem alguns alimentos que podem contribuir para o tratamento da acne de forma natural. No entanto, é importante conversar com o seu médico e seguir as orientações do dermatologista:

Óleo de Peixe

Esse tipo de gordura combate o envelhecimento e melhora a circulação do organismo. Ao melhorar a circulação, o ômega 3 faz com que nutrientes e oxigênio cheguem mais rápido à pele por meio do sangue. além disso, ele também participa do processo de renovação celular, mantendo a pele sempre nova e limpa

Vitaminas E e C

Os antioxidantes dessas vitaminas têm um efeito calmante sobre a pele. de forma que a vitamina C fortalece a imunidade do corpo e protege a pele das radiações solares. Ela também tem um efeito anti-inflamatório, que ajuda a cicatrização e prevenção da acne.

Zinco Oral

Por conta de seu poder anti-inflamatório e antioxidante, esse nutriente atua na pele criando um ambiente inóspito para o crescimento das bactérias causadoras das espinhas, além de ajudar a acalmar uma pele irritada. Porém, essa ação é incerta, mais pesquisas são necessárias para comprovar a eficácia do zinco no controle da acne.. O zinco é encontrado em ostras, castanha do Pará e gérmen de trigo.

Tratamento caseiro

O ideal é realizar acompanhamento médico para tratar a acne. No entanto, existem alguns tratamentos caseiros para acne que podem ajudar a controlar a ação da condição de saúde. No entanto, antes de realizá-los converse com seu dermatologista.

Lavar a região afetada com um sabonete suave

Você pode higienizar o local afetado com água morna e sabonete neutro duas vezes por dia. Além disso, é importante evitar certos produtos como adstringentes e máscaras faciais, pois eles podem irritar a pele. Lavar muitas vezes a região afetada também pode piorar o quadro.

Proteja-se do sol:

Em alguns casos o sol pode piorar a acne. Da mesma forma alguns medicamentos também podem tornar o paciente suscetível ao sol. Portanto, verifique com seu médico se sua medicação causa esse tipo de efeito. Se isso acontecer, procure se proteger contra os raios solares e use um protetor solar que não seja oleoso.

Evite fricção ou pressão sobre a pele

Quem tem propensão a acne, deve proteger a pele do contato com itens como telefones, capacetes, correntes apertadas ou mochilas, pois estes itens podem irritar a pele ou colocá-la em contato com microorganismos.

Evite cutucar a área afetada: isso pode desencadear mais acnes ou causar cicatrizes na pele

Medicamentos para Acne

Os medicamentos mais usados para o tratamento de acne são:

Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Convivendo (prognóstico)

Convivendo/ Prognóstico

Cuidados em casa ajudam a tratar a acne:

Complicações possíveis

A acne não tratada pode causar feridas na pele, que se contaminadas acarretam em infecções. Em alguns casos, a acne pode causar cicatrizes na pele.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Prevenção

Prevenção

Você pode adotar alguns hábitos para prevenir a acne ou evitar que ela fique pior:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Referências

Revisado por: Natalia Cymrot, dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia (CRM 84332/SP)

Sociedade Brasileira de Dermatologia – instituição que atua na promoção de ensino e pesquisa nas áreas de dermatologia clínica, cirúrgica, oncológica, cosmiátrica e hansenologia.