PUBLICIDADE

Consumo de frutose pode aumentar as chances de diabetes

Esse açúcar contido nas frutas e refrigerantes também é perigoso

As pessoas que lutam para controlar o diabetes ou querem se prevenir da doença devem se preocupar com um inimigo pouco comentado: a frutose. A presença desse açúcar em quantidades maciças na alimentação ocidental certamente faz parte dos principais fatores que contribuem para os aumentos dos casos de diabetes que vemos nas últimas décadas. O pior é que poucos sabem quais alimentos contém frutose.

O açúcar de mesa é 50% frutose e 50% glicose, sendo que os dois açúcares são metabolizados de forma diferente pelo nosso corpo. Praticamente todas as células do seu corpo são designadas para usar glicose como energia, especialmente as células cerebrais. Já a frutose é degrada em uma variedade de toxinas que podem promover efeitos devastadores na saúde, como:

Portanto limite o consumo de frutose, e isso inclui alimentos refinados, refrigerantes e frutas.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Portanto limite o consumo de frutose, e isso inclui alimentos refinados, refrigerantes e frutas. Nesse último grupo, no entanto, é importante lembrar que o consumo não exagerado de frutas, principalmente as ricas em vitamina C, é aceitável. Frutas ricas em vitamina C são poderosos antioxidantes e combatem os efeitos negativos da frutose. Sucos de laranja ou grapefruit, por exemplo, são os melhores para consumo por serem ricos nesse tipo de vitamina. Do outro lado da tabela encontramos os sucos de pera e maçã, que são ricos em frutose e pobres em vitamina C.