PUBLICIDADE

5 formas de começar uma alimentação mais natural

Cuidados com a origem dos alimentos e trocas saudáveis trazem mais qualidade de vida

Pequenos detalhes fazem toda a diferença na hora de começar uma nova e mais natural rotina de alimentação. Isso não significa cortar do cardápio seus alimentos favoritos, muito pelo contrário. Basta adaptá-los, investir em trocas mais naturais e estar atento à origem de cada alimento, fator que contribui para a sua qualidade.

De acordo com o Guia Alimentar para a População Brasileira, lançado em 2014 pelo Ministério da Saúde, uma alimentação mais natural é aquela em que há o predomínio de alimentos in natura, produzidos preferencialmente com sustentabilidade, livres de contaminantes e que protejam a biodiversidade.

Pensando nisso, separamos 7 cuidados que estimulam uma alimentação mais natural e, consequentemente, garantem mais qualidade de vida e bem-estar no dia a dia. Descubra mais na matéria abaixo:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

1. Prefira alimentos naturais

Quando falamos em alimentação natural, vêm à mente alimentos como frutas, verduras e legumes. Essa ideia não está errada, mas a naturalidade pode ir muito além dessas categorias. É o caso dos frangos Sadia Bio, linha que prioriza o desenvolvimento natural do frango, alimento que é considerado uma proteína de alto valor nutricional. Esse respeito começa nas granjas, que ficam sob a responsabilidade de 4 famílias apaixonadas pelo o que fazem, o que reflete diretamente na qualidade dos produtos da Sadia Bio.

Além disso, os frangos da Sadia Bio crescem naturalmente saudáveis e não precisam ser medicados, ou seja, não recebem antibióticos, nem melhoradores de desempenho e são criados com a chancela da Certified Humane, uma organização sem fins lucrativos que avalia cuidados e bem-estar dos animais em criação.

Outros detalhes sobre os produtos da Sadia Bio: eles têm relação com a alimentação dos frangos, composta 100% por ração vegetal e balanceada, e também com a sua criação, em granjas que priorizam os seguintes aspectos: iluminação especial, para que o animal tenha o tempo necessário de repouso; ambientes com espaço adequado, para que possam se comportar naturalmente; e, por fim, um controle de temperatura ambiental, para que as aves ali presentes se sintam confortáveis e sem nenhum tipo de estresse.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Por fim, vale ressaltar os benefícios da carne de frango para quem deseja conquistar uma alimentação mais natural. Ela ajuda a compor músculos, cabelo e pele; participa da formação dos elementos do sistema de defesa do corpo, como os anticorpos; estimula a produção de componentes essenciais para o funcionamento cerebral, como enzimas, peptídeos, neurotransmissores e células cerebrais; e possui vitaminas e minerais importantes, como a B6, B12, niacina, ácido pantotênico, fósforo e selênio.

2. Faça trocas saudáveis

Começar uma alimentação mais natural não significa, obrigatoriamente, abandonar todos aqueles seus pratos favoritos. É possível fazer substituições saudáveis, ou seja, adaptar receitas tradicionais a ideias mais leves e igualmente saborosas. Isso é importante pois fatores psicológicos também estão envolvidos no processo de alimentação, considerando gostos, aversões, estilos alimentares pessoais e emoções envolvidas naquele momento.

Nesse sentido, portanto, é possível criar novos hábitos alimentares com características mais saudáveis, levando em conta experiências individuais, valor nutricional dos alimentos, nível de processamento, entre outros detalhes. Um exemplo de prato clássico e que muitos amam é o macarrão, que pode ser feito com palmito pupunha desfiado, por exemplo. A pizza do fim-de-semana, igualmente amada, também pode ganhar um aspecto mais natural, com a massa de couve-flor no lugar da tradicional farinha de trigo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

3. Ande sempre com uma garrafinha de água

Você se lembra qual foi a última vez que bebeu água hoje? Este hábito, embora tão importante, costuma ficar em segundo plano na rotina da maioria das pessoas. Para saber a quantidade certa de água para consumir diariamente, basta fazer o seguinte raciocínio: calcule o seu peso por 0,03. Se você pesa 70kg, por exemplo, deverá tomar 2,1 litros do líquido todos os dias. Essa é apenas uma recomendação geral; fatores como clima e prática de atividades físicas podem alterar a quantidade necessária de água para cada pessoa.

4. Coma uma fruta no lugar da sobremesa

Para muitas pessoas, o almoço só termina com uma bela sobremesa. Como cortar este hábito de uma só vez é muito difícil, a dica é transformar a hora da sobremesa em mais uma oportunidade para se alimentar de forma natural. No lugar do pudim ou do chocolate, por exemplo, prefira uma fruta fresca ou até mesmo seca.

Você também pode cozinhar algumas delas, como maçã, pera ou banana no microondas. Com um pouco de cravo e canela elas podem se transformar em uma sobremesa simples, prática e muito saborosa, capaz de diminuir o desejo pelo açúcar refinado.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

As frutas, a exemplo de laranjas, maçãs, peras, bananas, entre outras, são as melhores fontes naturais de vitaminas, minerais e fibras. Além de contribuir para o bom funcionamento do intestino, elas ajudam a manter o metabolismo ativo ao longo do dia, ideal para quem está fazendo o controle do peso.

5. Prepare suas refeições sempre que possível

A linha Sadia Bio conta com muitas opções diferentes para incrementar as suas receitas. Os frangos são criados com zero antibióticos, melhoradores de desempenho e hormônios, por quatro famílias que se responsabilizam pelos cuidados, higiene e bem-estar dos animais nas granjas. Ao adquirir um produto, você pode rastreá-lo e saber de que granja ele veio, o que confere mais qualidade e segurança à alimentação como um todo.

Estão disponíveis cortes como filé de peito, coxinha da asa (drumette), filezinho (sassami), meio da asa (tulipa), sobrecoxa, coxa e sobrecoxa desossada. A linha conta ainda com cortes de frango congelados um a um, ou seja, você pode descongelar apenas a porção que irá utilizar em uma determinada receita, o que evita o desperdício de alimentos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)