PUBLICIDADE

Limpeza hepática: é possível "desintoxicar" o fígado?

Especialistas apontam riscos de dietas detox e explicam como cuidar do fígado

O fígado é o segundo maior órgão do corpo humano e é responsável por diversas funções fundamentais, como a neutralização de toxinas, a metabolização de gorduras e a limpeza do sangue. Toda a gordura ingerida passa obrigatoriamente pelo fígado, mas se ele estiver sobrecarregado, essa metabolização não ocorrerá de maneira satisfatória.

Manter a saúde do fígado ajuda na prevenção de doenças hepáticas potencialmente fatais, como a cirrose, gordura no fígado e hepatites. Mas será que as famosas dietas detox ajudam nesse processo?

Dieta para limpar o fígado

Para André Augusto Pinto, cirurgião geral e bariátrico da Clínica Gastro ABC, apesar de as dietas detox serem cada vez mais comuns, não existe uma dieta específica para a limpeza e a desintoxicação do fígado.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Segundo o especialista, um fígado saudável se purifica naturalmente, enquanto um fígado insalubre e doente tem poucas chances de melhorar apenas com dietas. Portanto, não há provas de que a limpeza do fígado seja feita por meio de dietas restritivas e suplementos. Na verdade, dependendo da abordagem, podem até causar danos ao organismo.

"Circula na internet e nas redes sociais um 'protocolo' que 'limpa' o fígado, o que poderia prevenir, evitar e até tratar os cálculos na vesícula biliar com suco de maçã , azeite e outros itens", fala André Augusto, que ressalta que esse tipo de dieta não possui qualquer comprovação científica.

Como desintoxicar o fígado?

Muito se fala da limpeza e desintoxicação do fígado por meio da restrição alimentar. Porém, a abstenção drástica e sem recomendação médica de certos alimentos pode trazer malefícios para o organismo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Segundo Newton Teixeira, gastro-endoscopista digestivo e membro da Câmara Técnica de endoscopia do CRM-RJ, o que funciona é a adoção de uma dieta saudável e equilibrada, bem como o controle de doenças que podem evoluir para esteatose (gordura no fígado), como obesidade, diabetes, colesterol e triglicerídeos aumentados.

Além disso, é fundamental ingerir líquidos em grande quantidade, além de vegetais, frutas e legumes. "A atividade física regular é também importante para que a gordura acumulada no organismo seja metabolizada com maior facilidade e eliminada."

Alimentos que ajudam a desintoxicar o fígado

Ainda que não seja possível desintoxicar o fígado com qualquer alimento ou combinação específica de alimentos, médicos podem recomendar mudanças dietéticas para pessoas com problemas no fígado ou com alguma doença hepática.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

"Os alimentos 'desintoxicantes' do fígado são aqueles que possuem propriedades que ajudam o organismo a eliminar as toxinas responsáveis por aumentar a inflamação e causar doenças", explica André Augusto. Dentre esses alimentos estão:

Além de uma alimentação saudável, baseada em produtos naturais, outra forma de prevenir problemas no fígado é evitar o consumo de bebidas alcoólicas em excesso. Evitar a obesidade e o excesso de gordura abdominal também é essencial. É preciso, por fim, atenção com comportamentos de risco que podem causar hepatite viral, como sexo sem proteção, drogas ilícitas e uso de objetos não esterelizados e contaminados.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Cuidados com o fígado

Nove alimentos que ajudam a proteger o seu fígado

Medicação e dieta são as melhores opções para fígado com gordura

Estudo relaciona depressão e ansiedade com doenças no fígado

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)