PUBLICIDADE

Jejum intermitente ajudou Luísa Sonza a perder 15 kg: conheça o método

A cantora sofreu com o peso e já fez dietas malucas, mas hoje garante que vive sem paranoias

Luísa Sonza - Foto: Reprodução/Instagram
Luísa Sonza - Foto: Reprodução/Instagram

A cantora Luísa Sonza, de 20 anos, já sofreu com oscilações de peso e perdeu 15 kg nos últimos dois anos, de acordo com entrevista ao GShow. Porém, hoje, com mudanças na alimentação, a prática de exercícios, como surf e futebol, além de realizar o jejum intermitente, ela se vê muito mais satisfeita e feliz. "Eu tinha a maior paranoia com o meu corpo. Tinha vergonha de ir na praia e usar short porque as pernas eram brancas, com celulites e estrias", ela contou.

Ela chegou a fazer diversas dietas radicais que não traziam resultados duradouros. "Um dia resolvi mudar e comecei a me assumir e a me amar, sem me importar com a opinião dos outros. Comecei a fazer atividade ao ar livre e tudo melhorou. Foi natural", revela.

Alimentação sem industrializados

Ela contou ainda que em seus pratos não entram enlatados, nem comidas industrializadas. "Prezo por alimentos saudáveis. Sempre comi muita salada e nunca cortei o glúten e a lactose. Essas dietas da moda não são para mim. Acho que meu segredo é não ligar para o doce", afirma.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

E se a correria do dia a dia acaba atrapalhando a sua alimentação, saiba que para Luísa isso acaba se tornando uma oportunidade de fazer o jejum intermitente. "Às vezes, acabo fazendo o jejum intermitente por causa da correria do trabalho. Acabo ficando longos períodos sem comer e costumo beber sucos naturais pela praticidade. Sinto que isso acabou ajudando bastante para perder peso", afirma. Os pratos dela, no geral, costumam ter arroz, feijão e carne. O básico que funciona!

Conheça os tipos de jejum intermitente

Luísa Sonza - Foto: Reprodução/Instagram
Luísa Sonza - Foto: Reprodução/Instagram

Veja aqui como fazer o JEJUM INTERMITENTE

Jejum de 12 horas

Esse é o tipo mais comum, em que você passa metade do dia sem comer (incluindo as oito horas recomendadas de sono). Nele é indicado que você faça três refeições ao longo do dia, ficando, por exemplo, das 20h da noite até às 8h da manhã sem se alimentar.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Sistema Leangains

O método foi desenvolvido pelo sueco Martin Berkhan e propõe que a pessoa fique de jejum por 16 horas, podendo fazer entre duas e três refeições nas oito horas restantes, a chamada janela de alimentação. Você escolhe o melhor momento para criar sua janela de alimentação.

Protocolo Coma - Pare - Coma

Nesse sistema, a pessoa escolhe um ou dois dias da semana em que ficará completamente de jejum. Ou seja, nestes dias, ela fará uma refeição e depois só comerá de novo no mesmo horário no dia seguinte. Este método costuma ter uma adaptação mais difícil e é importante fazer refeições ricas em fibras antes do jejum.