PUBLICIDADE

Você conhece as causas do pelo encravado?

Descubra se lâmina, roupas apertadas e má hidratação favorecem o encravamento

Quando o pelo não consegue romper a pele para crescer, não demora muito e as indesejáveis bolinhas vermelhas e inflamadas aparecem. Comuns em áreas sensíveis do corpo, como a virilha feminina e o rosto masculino, os pelos encravados precisam de cuidados especiais para não infeccionar, o que gera a foliculite.

Segundo o dermatologista Murilo Drummond, professor titular do Instituto de Pós-graduação Médica Carlos Chagas, no Rio de Janeiro, quanto mais irregular o pelo, mais fácil de encravar. "Para tentar evitar esse problema, é preciso estar atento tanto a técnicas de depilação que favorecem o surgimento quanto a cuidados diários", diz. Para esclarecer quais são os maus hábitos que podem deixar os pelos encravados, o Minha Vida preparou o quiz que você confere a seguir.

1/8

Nas peles claras, os pelos encravam com mais facilidade.

2/8

Depilar com cera predispõe o encravamento da pele.

3/8

Raspar os pelos com lâmina faz com que eles encravem mais.

4/8

Usar roupas muito apertadas faz com que os pelos encravem com maior facilidade.

5/8

Os pelos encravam mais no período menstrual.

6/8

Hidratação insuficiente faz com que os pelos encravem mais.

7/8

Fazer esfoliação evita o encravamento dos pelos.

8/8

Usar produtos tópicos com anti-inflamatórios previne pelos encravados.