PUBLICIDADE

Complexos homeopáticos não tem comprovação de eficácia

Entenda como essas misturas funcionam e como os homeopatas costumam indicar seus remédios

Diversos complexos homeopáticos são vendidos e comprados até mesmo sem indicação de um especialista. O problema é que esse tipo de medicação não costuma ser tão eficaz. Essas misturas não têm experimentação (ou seja, quando o medicamento é testado em um homem são e sensível), então não podem ser consideradas de fato homeopáticas, mesmo que sejam feitas com substâncias da homeopatia.

Sem experimentação não se sabe se a mistura é igual a soma de efeitos. Ou seja, a mistura só funciona se um dos medicamentos do complexo tem alguma similitude com sintomas do paciente. Se sua queixa é, por exemplo, obstipação e você faz uma mistura de 5 ou 6 medicamentos que tem na sua experimentação "obstipação", vai melhorar temporariamente apenas, mas os sintomas retornam mais tarde.

Isso é diferente do que quando um homeopata pratica o Complexismo, que representa a prescrição simultânea de vários medicamentos, a serem administrados isolada ou conjuntamente e mais as formulações feitas por médicos. Apresenta também dificuldades: será que a soma dos medicamentos representa a soma dos efeitos? Outro ponto é ausência de experimentação, pois esta é conduzida para componentes isolados.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Tenho visto prescrições das três linhas, feitas por homeopatas habilidosos e com bons resultados. Considero importante que o médico tenha e siga o seu protocolo pessoal, sua forma de prescrever pois somente assim conseguirá avaliar o resultado.

Respeito às regras da homeopatia

No entanto, o mais importante disso é que a receita homeopática exige individualização, e o complexismo segue essa prerrogativa. No entanto, como cada homeopata tem sua formação médica, suas crenças, suas questões de vivência pessoa, então os homeopatas também não são semelhantes enquanto pessoas.

Uma das regras em homeopatia diz que "o homeopata deve ser alguém sem preconceitos (ou pré conceitos)". Seria isso possível 100%? Será que esta consulta tão pessoal, individualizada onde o médico realmente entra nas casas durante as consultas não tem nada de identificação? Acredito que se não existisse o vínculo e sensibilidade, a consulta não seria tão boa e com resultados tão positivos como as consultas são, pelo menos eu sinto desta forma.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Falando em forma de prescrição, é importante ressaltar que existem outras duas linhas homeopáticas:

Os unicistas prescrevem um medicamento único o que justifica-se pois abrange a "totalidade de sintomas". Imaginando-se que as pessoas não são as mesmas a vida toda, encontram-se dificuldades, mas respeita um dos pilares da homeopatia que diz "Remédio único".

Já o Pluralismo onde existe a prescrição intercalada de dois ou três medicamentos, que se alternavam em intervalos regulares. Hahnemann não concordava com essa prática pois tende a muitos medicamentos, meio que "alopatizando" a prescrição homeopática.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O uso de mais de um medicamento pode ser justificada em casos agudos, em casos onde o encontro do remédio único é difícil. Sempre comento com pacientes que em um determinado momento estaremos modificando a medicação, pois seria reducionista eu imaginar conhecer o paciente em uma consulta.