marcela perguntou:

Tenho 36 anos e estou com triglicérides em 216 e colesterol vldl em 43. Isso é muito ruim, o que devo eliminar em minha alimentação???

  • Respondido em 29/09/2015
    Dra. Tamara Mazaracki Nutrologia - CRM 52301716/RJ
    especialista minha vida
    Olá,

    O consumo excessivo de calorias e carboidratos simples aumenta muito o risco de obesidade, resistência insulínica (diabetes) e eleva o nível de triglicérides no sangue. Além disso, dietas ricas em sal, gordura trans e saturada, pobres em frutas, legumes e verduras, e que suprem uma quantidade insuficiente de fibras, vitaminas e minerais, combinadas ao sedentarismo, são os maiores fatores de risco para se desenvolver alterações nas gorduras do sangue (colesterol e triglicérides), pressão alta e acúmulo de gordura visceral.

    Corte o açúcar, refrigerantes, sucos, massa, arroz branco, pão, doces, bolos, guloseimas em geral e outros carboidratos simples. Evite frituras.
    O que não pode faltar:
    - hortaliças – brócolis, couve-flor, couve, espinafre, salsa, pimentas vermelhas, pimentão, tomate, berinjela, abobrinha.
    - frutas de baixo índice glicêmico – limão, laranja, tangerina, morango, jabuticaba, maracujá, maçã, melão, pera, abacate, coco.
    - grãos e cereais – todos os feijões, lentilha, ervilha, grão de bico, farelo de aveia, arroz integral, quinoa.
    - nozes e sementes – amêndoas, castanha do pará, nozes, avelãs, linhaça, chia, semente de girassol e de gergelim.
    - peixes – sardinha, salmão, atum, cavala, pescada.
    - ervas e especiarias – chá verde, chá preto, alho, gengibre, cúrcuma.

    PUBLICIDADE
  • Respondido em 29/09/2015
    Samidayane Guerra Nutrição - CRN 8132/SE
    Olá,

    O VLDL transporta os triglicérides e também aumenta o risco de doenças cardíacas. A faixa de referência é menor que 30 em adultos e o seu está 43. O melhor é evitar gorduras e frituras, leite e derivados integrais. Preferir os carboidratos integrais e consumir fibras (farelo de aveia) para "limpar" o colesterol. Preferir azeite de oliva extra-virgem -0,5%, abacate em pequenas quantidades, castanha do Brasil/Pará.
    Já para reduzir o triglicerídeo que está alto, é necessário consumir menos carboidratos: biscoito, arroz, batata, pão, doces, açúcar, macarrão, refrigerante... e preferir os alimentos que mais contém fibras.