PUBLICIDADE

Uretrite: o que é, tratamento e quais os sintomas

Descubra o poder de um sorriso.
Participe da newsletter

Preencha os campos* abaixo.
X

*Ao concluir, você concorda com a nossa Política de Privacidade e aceita receber novidades do Minha Vida e seus parceiros.

Cadastro efetuado com sucesso!

Visão Geral

O que é Uretrite?

A uretrite consiste na inflamação ou infecção da uretra, o canal que transporta a urina da bexiga para fora do corpo. “A mulher possui uma uretra mais curta. Já no homem, ela é dividida em quatro partes (de dentro para fora): uretra prostática, membranosa, bulbar e peniana”, explica o urologista Marcelo L. Bendhack, Mestre e Doutor em Urologia.

Tipos

Uretrite pode ser dividida em dois grandes grupos: em uretrites gonocócicas e não gonocócicas.

De acordo com o urologista Marcelo Bendhack, a uretrite gonocócica surge por infecção com a bactéria Neisseria gonorrhoeae, responsável pela popularmente conhecida “gonorréia”. No qual as manifestações clínicas mais comuns são:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Já a uretrite não-gonocócica é causada pela infecção por outras bactérias, em especial a Chlamydia trachomatis. Sendo as manifestações clínicas mais comuns:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Causas

A uretrite pode ter causa tanto bacteriana quanto viral, química e traumática.

Entre as bactérias que mais costumam causar uretrite estão: Nesseria gonorrheae, que pode desenvolver-se também na faringe e no canal do ânus, e Chlamydia trachomatis, que desenvolve-se dentro das células.

Outras bactérias que comumente provocam infecções no trato urinário também causam uretrite, como a Escherichia coli.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A uretrite também pode ser provocada por alguns vírus, especialmente em decorrência de alguma doença sexualmente transmissível (DST). Gonorreia e clamídia estão entre as principais doenças venéreas capazes de provocar a inflamação. Além deles, os vírus causadores de HPV e herpes simples também parecem estar envolvidos nas possíveis causas da uretrite.

Mas este problema também pode ser causado por causas químicas, como por exemplo com o uso de espermicidas, e por motivos traumáticos, como uma cirurgia ou presença de um corpo estranho na uretra.

Fatores de risco

A grande maioria das uretrites são causadas por infecções decorrentes da exposição sexual desprotegida.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Além disso, pessoas do sexo feminino e do sexo masculino estão sob risco parecido de contrair a doença. A mulher especialmente se estiver em fase reprodutiva e o homem, se tiver entre 20 e 35 anos.

Uma pessoa que for exposta a muitos parceiros sexuais está sob maior risco de contrair uretrite. Além disso, ter um histórico de doenças sexualmente transmissíveis aumenta o risco de se desenvolver o problema.

Sintomas

Sintomas de Uretrite

Os principais sinais e sintomas de uretrite são:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Nos homens

Nas mulheres

“Os sintomas de uretrite, já apresentados no tópico ‘tipos de uretrites’, podem ser muitas vezes confundidos com os de outro problema chamado Síndrome Uretral, que é uma inflamação da uretra, que causa sintomas como dor abdominal, urgência urinária, dor e irritação ao urinar; além de sensação de pressão no abdômen. Neste caso, no entanto, não há agente etiológico”, ressalta o urologista.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Diagnóstico e Exames

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar uretrite são:

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Diagnóstico de Uretrite

Na consulta com um médico, para realizar um diagnóstico exato, ele poderá fazer um exame físico e, em seguida, lhe fazer uma série de questionamentos a respeito de seu histórico clínico.

Quando há dor ao urinar, isso costuma ser sinal de infecção. No entanto, alguns testes podem ser feitos para confirmar o diagnóstico por uretrite. Por exemplo:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Exames de sangue geralmente não são necessários para o diagnóstico de uretrite, mas sim caso o médico considere necessário realizá-los para eliminar possíveis outras causas envolvidas ou não com os sintomas.

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Uretrite

O tratamento para uretrite depende única e exclusivamente da causa exata. “Os anti-inflamatórios não esteroides ou não hormonais (AINH) continuam sendo o tratamento de primeira escolha, para alívio dos sintomas. Os corticosteróides se constituem como opção para certos casos (contraindicação aos primeiros). Determinados pacientes podem necessitar de analgésicos diferentes dos anti-inflamatórios e até mesmo, raramente, medicamentos especiais”, exemplifica o urologista Marcelo Bendhack.

Confira o tratamento que é indicado para uretrite de acordo com a causa:

Além disso, para garantir que a uretrite não retorne e, principalmente, que seu parceiro ou parceira também não desenvolva a infecção, é importante que ele ou ela também realizem os exames, mesmo que não haja sintomas.

Medicamentos para Uretrite

Os medicamentos mais usados para o tratamento de uretrite são:

Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

Convivendo (prognóstico)

Convivendo/ Prognóstico

Durante o tratamento, o paciente diagnosticado com uretrite pode, ainda, fazer uso de analgésicos para aliviar a dor.

Mesmo assim, pessoas com uretrite devem evitar manter relações sexuais – ou então fazer uso irrestrito de preservativos.

Complicações possíveis

Homens com uretrite podem desenvolver infecção da bexiga (cistite), epididimite, infecção dos testículos (orquite) e infecção da próstata (prostatite).

Após uma infecção grave, a uretra pode ficar com cicatriz e, portanto, sofrer um estreitamento (estreitamento da uretra).

Já as mulheres que tiverem a doença podem acabar desenvolvendo as seguintes complicações: cistite, cervicite (uma irritação no colo do útero), além de doença inflamatória pélvica.

Uretrite tem cura?

“Na medicina não existe 0 nem 100%: este é um ditado bem conhecido entre os médicos. Mas vale ressaltar que praticamente todas as uretrites podem ser curadas”, afirma o médico urologista Marcelo Bendhack.

Com o diagnóstico e tratamento corretos, a uretrite geralmente desaparece sem nenhuma complicação. Contudo, a infecção pode levar a um dano permanente na uretra, como no caso de surgimento de cicatriz nessa região, e outros órgãos urinários tanto nos homens como nas mulheres.

Ainda segundo o médico, o agente Mycoplasma genitalium (Mg), infecção semelhante à causada pela Chlamydia, pode apresentar maior resistência ao tratamento antibiótico. Trata-se também de doença sexualmente transmissível. Estima-se que 1% da população em geral possa ter a infecção.

Prevenção

Prevenção

Algumas causas de uretrite podem ser evitadas por meio de boa higiene pessoal e práticas sexuais seguras.

Referências