PUBLICIDADE

Médico lista 10 alimentos que NÃO recomenda para ninguém

Confira a lista e entenda como encontrar o equilíbrio para não exagerar nesses itens

Diversos alimentos já são muito conhecidos por não serem as melhores opções quando o assunto é saúde. Entretanto, esses itens continuam sendo frequentemente consumidos nas casas de muitos brasileiros e, justamente por isso, o médico Victor Sorrentino, que tem especialização em nutrologia, fez um post em seu Facebook listando os alimentos que ele não recomenda para ninguém consumir, ressaltando as razões para manter esse tipo de alimento longe da nossa rotina.

Vale destacar que nenhum destes alimentos precisa ser excluído do seu cardápio, especialmente aqueles que você gosta bastante. "Eu não os transformaria em vilões da dieta porque o problema é o nosso hábito. O que não devemos fazer é comer estes alimentos diariamente e em excesso, você pode escolher um alimento do grupo e ingerir uma vez por semana", aconselha o nutrólogo Celso Cukier, do Hospital Albert Einstein.

Abaixo, confira a lista de alimentos e os comentários do médico Victor Sorrentino:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

1. Nuggets

Se você imagina que está comendo peito de frango a milanesa, fique sabendo que esse alimento é feito de uma pasta de frango adornada por proteínas vegetais, amido de milho ou farinhas e goma. E que no Brasil, a lei exige que os nuggets sejam compostos de no mínimo 10% de proteína e de no máximo 30% de carboidratos. Além disso, ele é pré-frito em óleo vegetal e tem adicionado uma montanha de químicos para dar a liga, como Guar, Xantana C35H49O29, Ácido ascórbico (ou derivados), Tripolifosfato de sódio Na5P3O10.

Veja aqui como fazer nuggets saudável em casa!

2. Miojo

Macarrão instantâneo que é pré-cozido e pré-frito em gordura vegetal antes de ser embalado. O tempero é o campeão de glutamato monossódico e inosinato dissódico, substâncias químicas realçadoras de sabor que são altamente tóxicas e inflamatórias.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Não quer abandonar o miojo? Veja aqui dicas para deixá-lo mais saudável.

3. Salsichas e peito de peru

A proteína de alimentos embutidos talvez não faça sentido algum diante da carga química presente nesses alimentos. Geralmente possuem doses altíssimas de nitritos e nitratos que são altamente cancerígenos. Não se enganem, não há nada light em peito de chester light, o negócio é química pesada mesmo.

Aqui, mostramos como deixar o cachorro quente mais saudável.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

4. Margarina

Pela milionésima vez, margarina nem chega a ser comida, é uma substância comestível inventada pela indústria para substituir a manteiga, que tem o processo de fabricação mais caro e trabalhoso. Troque a margarina por manteiga, por favor!!!

5. Farinha láctea

Farinha de trigo + açúcares + conservantes. Vai dar isso para seu filho por que?

6. Bolacha recheada

Farinha + gordura hidrogenada + açúcar. Tudo isso vicia e muito! Veneno puro. Ah, bolacha maisena, água e sal, etc, tudo péssimo para a saúde de qualquer pessoa.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

7. Refrigerantes e suco de caixinha

Pra quem não sabe, um faz tão mal quando o outro. Refrigerante pela quantidade de glicose estratosférica em líquido ainda e suco pela quantidade de frutose e outros aditivos, fora a pasteurização que leva embora qualquer resquício de nutriente da fruta.

8. Cereais açucarados

Flocos de milho transgênico, lavados em xarope de frutose, cobertos por açúcar refinado e adicionados de corantes coloridos e conservantes diversos. Quem precisa disso e ainda acha que é comida leve e saudável?

9. Requeijão (até o light)

Me dei o trabalho de copiar os ingredientes do requeijão industrializado, bem diferente do creme de queijo que pode ser feito em casa e que levaria leite, creme de leite ou manteiga, e vinagre. Se o leite for orgânico e não de caixinha, a receita pode ser saudável. Mas vamos aos componentes do requeijão do mercado: Leite desnatado/integral, creme de leite, manteiga, cloreto de sódio(sal), fermento lácteo, estabilizantes difosfato dissódico e fosfato trissódico e conservadores ácido sórbico e nisina, estabilizante polifosfato de sódio (INS 452), corante dióxido de potássio (INS 202), leite padronizado reconstituído, caseinato de cálcio, pirofosfato de sódio e pirofosfato ácido de sódio, regulador de acidez ácido láctico, conservador sorbato de potássio, agente de firmeza cloreto de cálcio, regulador de acidez ortofosfato de sódio, coalho. Preciso dizer mais?

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

10. Barrinha de cereal

A maioria delas são ricas em açúcar e sódio, com cereais de baixa significância nutricional. É o maior engodo do mercado de alimentos dos últimos anos, pois muita gente pensa que está comendo algo super saudável!

*Esta matéria não reflete a opinião do Minha Vida.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)