PUBLICIDADE

5 dicas para praticar exercícios no frio

Especialista dá dicas para que os treinos em dias de baixa temperatura sejam mais fáceis

O frio ocupa uma posição importante em relação à mudança de comportamento das pessoas na prática de exercícios físicos. Além das quedas de temperatura nos deixarem com preguiça para nos exercitarmos, o tipo de roupa, o ambiente, o percentual de gordura e até mesmo a modalidade de treino sofrem influência direta desse fator climático, que se negligenciado, pode ser até mesmo letal.

Por exemplo, atletas de natação oceânica (no mar), em geral, possuem um percentual de gordura maior do que atletas de natação não-oceânicos. Nesse caso, o excesso de tecido adiposo (que acumula gordura) atua como um isolante térmico mais eficiente para os atletas que nadam no mar, diminuindo os riscos de uma real hipotermia devido à água gelada.

Portanto, qualquer pessoa que tenha por hábito a prática de exercícios físicos também deve dedicar atenção a pequenos detalhes que podem fazer a diferença no período de frio.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Então, deixo abaixo uma lista com 5 dicas de como se exercitar no frio com mais segurança e conforto.

1. Fique atento à temperatura e ao vento

Dicas para fazer exercícios em dias frios - Foto: Níkolas Chaves Nascimento/Acervo pessoal
Dicas para fazer exercícios em dias frios - Foto: Níkolas Chaves Nascimento/Acervo pessoal

Modalidades outdoor (ao ar livre), como ciclismo, corrida e patinação, merecem um cuidado maior em relação à vestimenta. Essas modalidades exigem velocidade mais alta, temperatura ambiente mais baixa no frio e, muitas vezes, uma direção contrária ao vento. Assim, pode ocorrer a diminuição da temperatura do corpo. Em alguns casos, até mesmo congelar as extremidades, como dedos, nariz e orelhas - e nos casos mais severos pode levar a uma amputação.

O uso de luvas, toucas, lenços e bandanas em alguns momentos de frio extremo pode ser uma ótima estratégia para evitar esses tipos de inconveniente.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

2. Fique atento à hidratação

Quando praticamos exercícios, é normal perdermos bastante água. Ainda, como o organismo produz calafrios para tentar minimizar a diminuição da temperatura e preservar a vida em dias frios, ocorre um maior consumo de oxigênio, que também influencia na desidratação.

Ao primeiro sinal de sede, hidrate-se. O ideal é fazer a ingestão de aproximadamente 200 ml de água a cada 15/20 minutos.

3. Faça musculação

 Tenha cuidado para que seu corpo permaneça bem - Foto: Níkolas Chaves Nascimento/Acervo pessoal
Tenha cuidado para que seu corpo permaneça bem - Foto: Níkolas Chaves Nascimento/Acervo pessoal

A musculação é uma excelente opção para se exercitar durante o frio. Em geral, ela é praticada em academias, sendo esse um ambiente fechado, sem a presença excessiva de vento e com uma temperatura da sala maior do que a temperatura do ambiente externo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Além disso, o próprio exercício envolve diferentes movimentos e contrações musculares. Assim, promove o aumento da temperatura do corpo, cumprindo esse papel básico de gerar calor para quem está com frio.

4. Escolha aulas coletivas

Running class, spinning, funcional, localizada, zumba, pilates.... Abuse das aulas coletivas. Aproveite ao máximo o cardápio de classes em grupo oferecidas pela sua academia.

Instintivamente, os seres humanos tendem a se aglomerar para manter o calor do corpo. Além disso, as salas fechadas também proporcionam um ambiente mais quente do que o externo, o que dá mais conforto para quem se exercita. Aproveite também para, quem sabe, fazer novas amizades.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

5. Evite roupas molhadas

Sabe-se que a água tem um potencial 25 vezes maior de conduzir calor do que o ar. Uma inofensiva corrida na chuva, com uma temperatura levemente baixa, mas não tão desconfortável, pode ser extremamente perigosa se o praticante ficar muito tempo com as roupas e com os tênis molhados. E, ainda, não observar alguns cuidados.

O principal é não ficar parado. Exercite-se e bom treino!

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)