Renata perguntou:

Meu ultrassom diagnosticou um cisto no meu pulso devido esforço repetitivo. Ele tem doído muito. Fazer pilates pode me ajudar com as dores?

  • Respondido em 16/02/2016
    Marcel Tomonori Sera Fisioterapia e Acupuntura - CREFITO 121849/SP
    especialista minha vida
    Olá,

    Talvez ajude sim, mas vai depender muito da causa destas dores.
    A maioria destas causas está associada não apenas aos movimentos repetitivos, mas também a maneira como você os realiza.
    Os movimentos de punho dependem da força no antebraço, que dependem da estabilidade do ombro, que dependem de um bom alinhamento da coluna cervical (pescoço), pois é nela que nascem os nervos que controlam os músculos do punho. Se qualquer uma destas estruturas estiverem afetadas, o punho pode sofrer e formar cistos.
    A formação dos cistos é meio desconhecida ainda, mas a maioria dos profissionais associa ela com a redução de espaços entre os ossos do punho, forçando a saída do líquido entre eles, para fora das articulações, aparecendo abaixo da pele, sendo possível palpá-lo.
    Portanto, se a causa de suas dores for postural, pelo desalinhamento do pescoço, o pilates pode ajudar bastante. Se for por falta de força e estabilidade do ombro e/ou punhos, também ajuda bem.
    Mas se for algum problema na sua articulação, que não esteja associado a estabilidade das outras articulações, o pilates talvez já não te ajude.
    O melhor a se fazer é procurar os profissionais adequados. Primeiro, o médico ortopedista e em seguida, se for o caso, o fisioterapeuta (que nestes casos onde envolvem lesões, são os mais indicados). Mas procure sempre por profissionais que demonstrem conhecimento sobre o seu problema, ou que sejam indicados por pessoas de sua confiança.
    Bom tratamento!

    PUBLICIDADE