PUBLICIDADE

Bebês de Beyoncé nascem prematuros e com icterícia

Condição de saúde deixa a pele com cor amarelada

Na última semana a cantora Beyoncé deu à luz a gêmeos em um hospital de Los Angeles. No entanto, os bebês continuam internados no hospital, por terem nascido com icterícia, uma condição de saúde que deixa a pele com cor amarelada, assim como as membranas mucosas ou olhos.

De acordo com o site TMZ, os bebês, que ainda não têm nomes revelados, nasceram prematuros e estão sendo submetidos a luzes para tratar o sintoma.

Vale ressaltar que é muito comum recém-nascidos apresentarem a icterícia, desde que isso aconteça após 24 horas de vida, ou seja, entre segundo e terceiro dias de vida e vá melhorando entre o quinto e sétimo dias de vida. Caso essas características não sejam seguidas, doenças deverão ser pesquisadas a fim de se identificar a causa.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Entenda a icterícia

A cor amarelada típica da icterícia é provocada pela deposição do pigmento biliar (bilirrubina) nos tecidos e sua identificação tem um importante significado clínico uma vez que reflete uma anormalidade na produção, metabolismo ou eliminação deste pigmento.

A bilirrubina é formada principalmente a partir da morte de glóbulos vermelhos presentes no sangue. Este processo de destruição ocorre nas células do baço, fígado e medula óssea. Em condição habitual praticamente toda bilirrubina produzida é levada para ao fígado pela corrente sanguínea e sua eliminação se dá para o intestino através das vias biliares, após o seu armazenamento na vesícula biliar. No entanto, quando ocorre alguma anormalidade em qualquer etapa deste processo, pode ocorrer o acúmulo dessa substância no corpo, provocando icterícia.