PUBLICIDADE

Refrigerantes dobram risco de morte prematura por doença cardíaca, diz pesquisa

Estudo sugere consumir bebidas açucaradas gera mais prejuízo a saúde sobre comer alimentos doces

Não é de hoje que sabemos os prejuízos que bebidas ricas em açúcar, como refrigerantes e alguns sucos industrializados, podem causar em nossa saúde. De acordo com um novo estudo, esse tipo de bebida está diretamente ligado a mortes prematuras por doenças cardíacas.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A pesquisa foi apresentado em um encontro de prevenção epidemiológica da Associação Americana do Coração (AHA), em Nova Orleans, nos EUA.

Para análise, os pesquisadores acompanharam um grupo de adultos com mais de 45 anos de idade por seis meses. Eles foram divididos entre os consumidores que bebiam, em média, cerca de 700 mililitros por dia, o que daria uma média de duas latinhas de refrigerante (350 ml), e aqueles que bebiam menos de 29 ml de bebidas açucaradas por dia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Os resultados mostraram que as pessoas que consomem bebidas açucaradas em grande quantidade têm duas vezes mais chances de morrer de doenças do coração do que aqueles que bebem com moderação.

No entanto, a pesquisa só estabelece uma associação e não prova causa e efeito. Pesquisas anteriores já haviam descoberto uma ligação entre bebidas açucaradas, obesidade e doença crônica, mas o impacto desse consumo sobre as taxas de mortalidade ainda não estava claro.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A pesquisadora-chefe do estudo, Jean Welsh, da Emory University, nos EUA, explicou os principais aspectos que o estudo pretendia desvendar: "Queríamos descobrir se os açúcares adicionados aumentam o risco de morte por doença cardíaca ou outras causas e, em caso afirmativo, se existe uma diferença de risco entre bebidas açucaradas e alimentos açucarados. Acreditamos que este estudo acrescenta dados sólidos ao que já existe, destacando a importância de minimizar as bebidas açucaradas em nossa dieta", disse.

Além disso, a investigação destacou que os alimentos açucarados, como pães e doces, não representam o mesmo risco de morte precoce. Segundo o pesquisador que liderou o estudo, Jean Welsh, da Emory University, acredita-se que alimentos doces são processados pelo corpo de forma diferente.

"Acreditamos que este estudo acrescenta dados sólidos ao que já existe, destacando a importância de minimizar o consumo de bebidas açucaradas em nosso dia a dia", afirmou Welsh ao site britânico Independent.

Contudo, Gavin Partington, diretor geral da Associação Britânica de Refrigerantes, indica que é importante entender melhor os dados descobertos:

"Embora reconheçamos que problemas de saúde associados à obesidade são um problema sério, é importante notar que um estudo deste tipo não pode provar causa e efeito e não leva em conta outras fatores potenciais de estilo de vida. Todos nós temos um papel a desempenhar para ajudar a combater a obesidade e esperamos que nossas ações em redução de açúcar, tamanho das porções e promoção de produtos de baixa ou nenhuma caloria sejam um exemplo para o setor de alimentos em geral", revela.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)