Usar máscara facial durante exercícios intensos é seguro

Para pessoas saudáveis, o uso da barreira contra a COVID-19 não é arriscado

Segundo um estudo publicado no European Respiratory Journal, fazer uso da máscara protetora - como as usadas contra a COVID-19 - não afeta muito a capacidade de pessoas saudáveis fazerem exercícios físicos de maior intensidade.

O resultado se deu após testes detalhados de respiração, atividade cardíaca e desempenho físico serem realizados pelos pesquisadores em um grupo de 12 pessoas com e sem máscara que se exercitavam em uma bicicleta ergométrica.

Mesmo que tenham encontrado algumas diferenças entre usar e não usar a peça, nenhum resultado apontou qualquer risco para a saúde, indicando que máscaras não são prejudiciais à saúde de quem pratica exercícios físicos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A pesquisadora Elisabetta Salvioni disse: "Sabemos que a principal via de transmissão do coronavírus é por meio de gotículas na respiração e é possível que respirar com mais dificuldade durante o exercício facilite a transmissão, especialmente em ambientes fechados. A pesquisa sugere que usar uma máscara pode ajudar a prevenir a propagação da doença, mas não há evidências claras sobre se as máscaras são seguras para uso durante exercícios intensos."

Com o propósito de resolver essa questão, os pesquisadores trabalharam com seis mulheres e seis homens voluntários com idade média de 40 anos. Cada um participou de três rodadas de testes de exercício: uma vez sem máscara facial, outra com uma máscara cirúrgica (máscara azul de uso único) e uma vez usando uma 'peça facial filtrante 2' ou máscara FFP2 (máscara branca de uso único que se acredita oferecer uma proteção ligeiramente melhor do que uma máscara cirúrgica).

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Durante a atividade na bicicleta ergométrica, os pesquisadores mediram a respiração dos voluntários, frequência cardíaca, pressão arterial e os níveis de oxigênio no sangue.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Os testes mostraram que o uso de máscara facial causou a redução média de 10% na capacidade de realizar exercícios aeróbicos. De acordo com os resultados, a alteração foi causada pela dificuldade de inspirar e expirar enquanto se usa a máscara.

"Esta redução é modesta e, fundamentalmente, não sugere um risco para pessoas saudáveis ??que fazem exercícios com máscara facial, mesmo quando estão trabalhando em sua capacidade máxima. Enquanto esperamos que mais pessoas sejam vacinadas contra COIVD -19, essa descoberta pode ter implicações práticas na vida diária, por exemplo, tornando potencialmente mais seguro abrir academias internas?, disse o pesquisador Massimo Mapelli.

"No entanto, não devemos presumir que o mesmo seja verdadeiro para pessoas com problemas cardíacos ou pulmonares. Precisamos fazer mais pesquisas para investigar essa questão", ele continua.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Para Sam Bayat, professor do Hospital Universitário de Grenoble, França, e presidente do Grupo de Fisiologia Respiratória Clínica, Exercício e Imagem Funcional da Sociedade Europeia de Respiração (ERS) ainda há lacunas em nosso conhecimento sobre como limitar a disseminação do COVID-19, "mas acreditamos que as máscaras têm um papel a cumprir e estamos nos acostumando a usá-las em espaços públicos como lojas, trens e ônibus?.

"Embora esses resultados sejam preliminares e precisem ser confirmados com grupos maiores de pessoas, eles parecem sugerir que as máscaras também podem ser usadas com segurança para esportes internos e atividades físicas, com um impacto tolerável no desempenho", continua Bayat.

Covid-19: recomendações para o treino

Mesmo em quarentena, é importante manter o corpo ativo. Caso não seja possível realizar exercícios em casa ou em um local vazio e a única opção for treinar fora de casa, algumas orientações devem ser levadas em consideração, como:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)