PUBLICIDADE

Ansiedade: sintoma ou doença?

Ansiedade: sintoma ou doença?

Série Ansiedade

Ansiedade: sintoma ou doença?

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Você já sentiu aquele friozinho na barriga quando algo está para acontecer?

Esse tipo de preocupação é normal quando acontece de vez em quando, mas quando esses pensamentos agonizantes não dão trégua, pode ser sinal de que há um distúrbio de ansiedade.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Perna que balança, o pé que não para quieto. As mãos que se movimentam sem sentir. Reações diversas de ansiedade são comuns a todo o momento. São até esperadas em algumas situações. O corpo fica preparado para lutar ou para fugir. E para lidar com a questão, algumas pessoas começam a desencadear sintomas que podem se tornar um problema crônico.

Tudo começa na maneira como um indivíduo enxerga determinada situação ou pensamento. Quando a interpretação é de ameaça, atinge as amígdalas do cérebro, onde é produzida uma substância chamada noradrenalina. É ela que excita o cérebro e o corpo dando reações de estimulação

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Os problemas de ansiedade podem ser hereditários. Relacionamentos e atividades instáveis podem tornar uma pessoa mais propensa a desenvolver alguns distúrbios, como a síndrome do pânico, fobia a determinado objeto, estresse após um evento traumático.

SÉRIE COMPLETA