PUBLICIDADE

Linguagem corporal pode dizer se relacionamento não vai bem

Gestos comuns dão pistas sobre a interação do casal

Para falarmos sobre esse tema é preciso entender que o corpo possui sim, uma linguagem corporal. Linguagem essa que traz dizeres de como me relaciono comigo mesmo e de como está meu relacionamento com o outro. Mas, como isso acontece?

Há um tempo li um texto de Collete Soler e ela dizia que a psicanálise, ou seja, análise da psique, é uma prática na qual a questão do corpo é o centro. A partir daí entendemos que é necessário ouvir o que nosso corpo tem a dizer para compreendermos melhor quem somos.

Nosso corpo recebe sintomas para nos dizer que algo do nosso inconsciente precisa ser decifrado. Esses códigos que irão mostrar se estou bem comigo mesmo e até bem com meu relacionamento.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Costumo em meus atendimentos de casais ficar atenta a alguns sinais do corpo, pois eles podem me dizer algo sobre a dinâmica psíquica das pessoas individualmente e, também da dinâmica do casal. É possível perceber algumas expressões corporais e a partir delas refletir junto com meus pacientes o que elas podem estar tentando dizer.

A linguagem corporal pode refletir se o casal tem está em um momento de mais sintonia ou não. Procuro ficar atenta desde o primeiro contato com o casal na sala de espera do meu consultório. Algumas vezes, mesmo existindo cadeiras vazias, as quais poderiam sentar um ao lado do outro, os encontro distantes fisicamente. Durante a sessão identifico uma falta de sintonia, pelo menos naquela hora, pois temos que tomar o cuidado de não julgar só por esse sinal.

Em algumas outras situações, eles entram na sala de atendimento, sentam lado a lado e ainda colocam seus pés na direção um do outro, demonstrando um interesse pelo o que o outro está relatando, ou seja, pelo outro. As mulheres costumam expor a palma das mãos, mostrando o pulso para o outro, também demonstrando um interesse.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Procuro ficar atenta e até assinalar para o casal, caso perceba algumas situações as quais a literatura aponta como falta de interesse pelo outro. Alguns exemplos seriam:

Casais que acabaram de começar uma relação costumam se tocar mais, dormir de conchinha e isso muitas vezes é associado a sintonia e mais intimidade. Já os toques mais leves e afetuosos nos corpos costumam indicar um bom relacionamento.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Percebo muita dificuldade entre os casais para falar sobre esses sinais e sintomas da relação, então não tenha receio de sentar com sua parceria e assinalar as mudanças que identifica como negativas. Faça isso de uma forma que não seja julgando o outro, mas convidando-o a refletir sobre o que percebeu.

Mas, o mais importante! Converse com seu corpo primeiro e entenda sua própria linguagem, para, num segundo momento, perceber se é possível entender a do outro.