PUBLICIDADE

Dividir as tarefas domiciliares melhora a vida sexual dos casais

Afazeres como lavar pratos e roupas sujas são a principal fonte de discórdia entre casais

A divisão de tarefas domiciliares é importante para a felicidade do casal. Permitir que as funções domésticas fiquem centralizadas em apenas uma pessoa, pode trazer malefícios para a relação. Porém, uma boa distribuição de tarefas, segundo um estudo publicado pelo periódico Socius, é capaz de aumentar a qualidade da vida sexual dos casais, e o bem estar da relação de modo geral.

Com o passar dos anos, o número de homens que participam ativamente das atividades domésticas e parentais aumentou, porém, muitos ainda acreditam que não devem fazer suas obrigações, e este pensamento causa inúmeros conflitos dentro das dinâmicas do casal.

Como o estudo foi feito

Para a realização do estudo, os pesquisadores selecionaram 600 casais, que foram questionados sobre como eles realizavam a divisão das tarefas domiciliares, e o quanto a relação estava satisfatória.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A entrevista levava em consideração alguns pontos importantes na vida à dois: Discussões, momentos felizes, satisfação sexual e compatibilidade. Casais que demonstravam um maior empenho na divisão dos afazeres domésticos apresentaram baixos níveis de insatisfação sexual.

Descobriu-se que os homens não se importavam tanto com a divisão das tarefas domiciliares, diferente das mulheres, que acreditavam que uma distribuição justa dos afazeres domésticos demonstrava uma relação saudável e equilibrada. O pensamento do sexo feminino foi comprovado pelos dados da pesquisa.

De modo geral, quando o casal entrava em um consenso, os níveis de intimidade na cama aumentavam, e ocorria uma menor frequência de discordâncias matrimoniais. Curiosamente, o ato de lavar os pratos, entre todas as tarefas, exerceu o maior nível de influência para a qualidade do relacionamento.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Conclusões

"As mulheres trabalham muito durante o dia, e quando chegam em casa, ainda precisam cuidar dos filhos e de outros afazeres domésticos. É como um segundo turno, e pior ainda, é antiquado e machista", disse a terapêura Ian Kerner ao site Body+Soul.

O que acontece fora do quarto, é transmitido para dentro do quarto. "Sentir-se magoado ou injustiçado frente às tarefas domésticas faz com que você não se sinta confortável em ser uma pessoa sexualmente ativa", conclui Ian.