PUBLICIDADE

Salvar vidas é mais importante que medalhas, diz Michael Phelps sobre depressão

Nadador deu entrevista à CNN contando que ainda luta contra a doença

O nadador Michael Phelps é conhecido por ser uma lenda no esporte. Com 33 anos, já ganhou 28 medalhas olímpicas. No início do ano, porém, o atleta revelou que após cada edição dos Jogos Olímpicos, ele era acometido por crises de depressão. Em 2012, inclusive, ele chegou a anunciar sua aposentadoria. Naquela época, ele não queria mais estar vivo. Em entrevista à CNN na última sexta-feira (17), o atleta contou que ainda sofre com o problema.

O mais importante para ele, no entanto, é ajudar quem tem a doença. "Eu gostaria de fazer a diferença, gostaria de ser capaz de salvar uma vida, se puder", disse Phelps, e completa "Para mim, isso é mais importante do que ganhar uma medalha de ouro".

Mesmo não tendo se livrado totalmente da doença, já que confessou ter tido uma fase depressiva há menos de um mês, o atleta consegue enxergar um lado positivo. Segundo ele, quanto mais aprender sobre ele mesmo e seu problema, pode ajudar outras pessoas.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Para melhorar destas crises, o nadador destacou o papel de seu terapeuta e do apoio de sua esposa, Nicole Phelps.

Alguns sinais mostram que você pode estar com depressão

Muitas vezes não é possível identificar se você está apenas triste ou se está depressivo. Portanto, é importante saber as diferenças entre os dois termos, tristeza e depressão, e conhecer alguns sintomas da doença. Veja a seguir:

A tristeza pode ocorrer desencadeada por algum fato do cotidiano, onde a pessoa realmente sofre com aquilo até assimilar o que está acontecendo e geralmente não dura mais do que quinze a vinte dias. Já a depressão se instala e se não for tratada pode piorar e passar por três estágios: leve, moderada e grave.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Pode-se notar os seguintes sintomas:

Além disso, o indivíduo pode apresentar alguns sintomas físicos que os médicos não conseguem encontrar causas aparentes, como:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Portanto, independentemente do tempo que sofra com a condição, e caso se identifique com alguns sintomas citados acima, procure um especialista, para que seja possível ter um diagnóstico preciso, evitando futuras complicações que podem ir muito além do emocional.