luciane perguntou:

Crianças que comem muitos doces e têm histórico familiar podem ter colesterol alto?

  • Respondido em 22/10/2013
    Dra. Valéria Viana Nutrologia - CRM 76838/SP
    especialista minha vida - MEMBRO DA ABRAN
    Olá,

    De acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia cerca de 20% das crianças e adolescentes do país já estão com o colesterol alto e a taxa de gordura no sangue nesta faixa etária pode antecipar em até dez anos os problemas cardíacos.

    Existe predisposição genética para o colesterol alto, ocasionada por um problema de metabolização das gorduras no sangue, chamado de hipercolesterolemia familiar. Geralmente pode ser observado umas bolinhas de gordura na pele, taxas aumentadas de colesterol ruim (LDL) ou colesterol total no exame de sangue e histórico familiar. A Sociedade Brasileira de Cardiologia recomenda que quando as crianças atingirem 10 anos de idade façam um exame para diagnosticar a taxa de colesterol no sangue.

    Se o resultado do exame for acima de 150 mg/dl, a indicação é a reeducação alimentar e estímulo da atividade física. Se o resultado for acima de 170, é recomendado procurar um médico para fazer um exame mais completo e tratamento. Crianças que comem muitos doces geralmente possuem colesterol alto.

     

    PUBLICIDADE