PUBLICIDADE

Dispepsia (má digestão): o que é, sintomas, tratamentos e tipos

Visão Geral

O que é Dispepsia?

Dispepsia, popularmente conhecida como indigestão, é o nome dado à sensação de desconforto na parte superior do abdômen durante ou logo após uma refeição.

Os alimentos para serem absorvidos pelo intestino delgado, tem que ser digeridos, isto é, tem que passar pela ação do suco gástrico, suco pancreático, bile e só suco entérico, para transformar o alimento em partículas muito pequenas.

A dispepsia pode estar relacionada a diversas doenças subjacentes, mas inclui uma série de outros sintomas, como dor, arrotos, empachamento, sensação de peso, queimação, náusea e saciedade precoce.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Os sintomas de dispepsia são comumente confundidos com os de azia e gastrite, mas nem sempre a indigestão é sinal de um problema mais grave.

Embora a indigestão seja comum, cada pessoa pode sentir indigestão de uma maneira ligeiramente diferente. Os sintomas de indigestão podem ser sentidos ocasionalmente ou com a frequência diária. (1,2)

Sinônimos

má digestão e indigestão.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Causas

A dispepsia está mais relacionada a certos hábitos. Veja:

Diversas causas subjacentes também podem levar à dispepsia. Confira exemplos:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Problemas gastrointestinais

Medicamentos

Trato biliar

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Problemas no pâncreas

Doenças sistêmicas

Outras causas

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Fatores de risco

Os principais fatores de risco da dispepsia são (3)

Saiba mais: Conheça os alimentos que mais causam má digestão

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Sintomas

Sintomas de Dispepsia

Pessoas com dispepsia podem ter um ou mais dos seguintes sintomas: (4)

Sintomas menos frequentes incluem vômito e arroto. Às vezes, pessoas com dispepsia também experimentam azia, mas a azia e a indigestão são duas condições distintas. Azia é uma dor ou sensação de queimação no centro do peito que pode irradiar para o pescoço ou para trás durante ou após comer.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Minha Vida
Minha Vida

Buscando ajuda médica

Dispepsia geralmente não é sinal de um problema de saúde mais grave, a menos que outros sintomas também ocorram, como:

Pessoas acima dos 45 anos também estão sob maior risco de contrair essa condição.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Diagnóstico e Exames

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar dispepsia são: (3)

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para dispepsia, algumas perguntas básicas incluem:

Não hesite em fazer outras perguntas, caso elas ocorram no momento da consulta.

Diagnóstico de Dispepsia

O diagnóstico da dispepsia irá depender do histórico de saúde e um exame físico completo. Essas avaliações podem ser suficientes se a sua indigestão for leve e você não estiver experimentando certos sintomas, como perda de peso e vômitos repetidos. (3,4)

Exames

Alguns exames podem ser realizados para ajudar o diagnóstico da dispepsia:

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Dispepsia

Mudanças no estilo de vida podem ajudar a aliviar a dispepsia. Seu médico pode recomendar: (4)

Saiba mais: Abandone 10 hábitos que favorecem a má digestão

Medicamentos para Dispepsia

A dispepsia pode ter diversas causas, de modo que o tratamento varia de acordo com o diagnóstico estabelecido pelo médico. Por isso, somente um especialista capacitado pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Os medicamentos mais comuns no tratamento de dispepsia são:

Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

Convivendo (prognóstico)

Dispepsia tem cura?

Quando o paciente segue o tratamento indicado pelo médico gastroenterologista tem uma completa resolução do quadro. Contudo, é possível que a dispepsia volte a acontecer caso não exista uma mudança nos hábitos alimentares e estilo de vida. (1)

Complicações possíveis

Embora a dispepsia geralmente não tenha complicações sérias, ela pode afetar sua qualidade de vida fazendo com que você se sinta desconfortável e fazendo com que você coma menos. Você pode perder o trabalho ou a escola por causa de seus sintomas. Quando a indigestão é causada por uma condição subjacente, essa condição também pode ter suas próprias complicações. (3)

Convivendo/ Prognóstico

A mudança de hábitos alimentares pode aliviar a dispepsia, como:

Você também pode fazer uso de antiácidos e outros medicamentos vendidos sem necessidade de prescrição médica em farmácias para aliviar os sintomas de dispepsia.

Saiba mais: Nove alimentos que ajudam na digestão

Prevenção

Prevenção

Além de fazer mudanças no que você come e bebe, é possível evitar a dispepsia fazendo mudanças no estilo de vida, como: (3,4)

Referências

(1) Paulo Olzon Monteiro da Silva, clínico da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), CREMESP 19.035

(3) Federação Brasileira de Gastroenterologia. Conteúdo disponível em: http://www.fbg.org.br/Publicacoes/Doencas/detalhe/11

(3) Mayo Clinic. Conteúdo disponível em: https://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/indigestion/symptoms-causes/syc-20352211

(4) National Institute of Diabetes and Digestive and Kidney Diseases. Conteúdo disponível em: https://www.niddk.nih.gov/health-information/digestive-diseases/indigestion-dyspepsia