Demorar para dar banho em recém-nascido traz benefício para a amamentação

A demora para dar banho nos recém-nascidos também os fizeram ingerir apenas leite materno

Dar banho em um recém-nascido poucas horas depois do parto é uma prática comum. Entretanto, um estudo feito pela Cleveland Clinic revelou que esperar mais de 12 horas para fazer isso após o nascimento pode ser ainda mais benéfico, pois aumenta as taxas de amamentação do bebê no hospital.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O que motivou o estudo

Heather DiCioccio, enfermeira chefe, liderou o estudo após perceber que várias mães estavam pedindo para o hospital esperar mais tempo antes de dar banho em seus bebês. "Elas estavam lendo em blogs de maternidade que o fluído amniótico tem um cheiro semelhante ao seio, o que faz com que os bebês se adaptem com a amamentação mais rápido", explica em entrevista ao periódico Obstetrics.

Como o estudo foi feito

Quase mil mães, juntas com seus recém-nascidos, participaram do estudo. Foram analisados 448 bebês que tomaram banho logo após nascer, e 548 que demoraram para serem lavados. Os resultados mostraram que as taxas de amamentação aumentaram de 59.8% para 68.2% após a intervenção.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Por que isso acontece

Segundo Heather, isso acontece porque demorar para dar banho prolonga o tempo do contato pele a pele entre mãe e bebê. Além disso, a similaridade entre o fluido amniótico e o seio encoraja os bebês a mamar.

Além disso, a demora para entrar no banho fez com que os bebês mantivessem uma temperatura similar ao nascimento, o que os tornou menos cansados na hora da amamentação.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)